Partido aliado de Tarcísio não quer nem saber de Datena no Senado

A direção do PTB tem negociações avançadas para apoiar outro candidato bolsonarista na disputa pelo Senado em São Paulo

O PTB avançou nas tratativas internas para apoiar Janaína Paschoal na eleição para o Senado em São Paulo.

O partido, que integra a coligação de Tarcísio de Freitas, não quer nem saber de José Luiz Datena. O apresentador é visto pelos petebistas como um nome pouco confiável e que não compartilha dos valores do bolsonarismo.

Até os aliados de Tarcísio acreditam que Datena não levará a candidatura até o fim. A aposta é de que bolsonaristas vão se engalfinhar para obter o apoio do ex-ministro na corrida pelo Senado.

Além de Janaína Paschoal, que está filiada ao PRTB, a deputada Carla Zambelli e o empresário Paulo Skaf almejam a vaga. Zambelli é do PL, partido de Jair Bolsonaro, e Skaf pertence ao Republicanos, a mesma sigla de Tarcísio.

(Atualização às 12h29 do dia 21 de junho de 2022 – A assessoria da deputada Carla Zambelli informou que ela não se candidatará ao Senado por São Paulo. “Ela é pré-candidata à reeleição”, diz a nota enviada à coluna.)

1/10
Enquanto partidos se organizam em busca de alianças e de federações partidárias, nomes da política brasileira já são dados como certos nas eleições de 2022
Em São Paulo, maior colégio eleitoral do Brasil, já se fala em ao menos 10 pré-candidatos. Alguns já estão oficializados pelos partidos; outros, ainda não
Rodrigo Garcia (PSDB) – O vice-governador de São Paulo foi escolhido em novembro de 2021 para concorrer ao governo do estado pelo Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB)
Fernando Haddad é pré-candidato ao governo de São Paulo pelo Partido dos Trabalhadores (PT)
Márcio França (PSB) – O ex-governador reafirmou que, “apesar das especulações”, segue como pré-candidato do partido ao governo de São Paulo. No Twitter, França fez post afirmando que tem “projeto para SP e muito apoio”
Vinícius Poit (Novo) – O Partido Novo lançou o deputado como pré-candidato ao governo de São Paulo nas eleições de 2022
Abraham Weintraub (PMB) – O ex-ministro da Educação é o pré-candidato do Partido da Mulher Brasileira (PMB) ao governo de São Paulo
Tarcísio de Freitas (Republicanos) – O ministro de Infraestrutura confirmou que concorrerá ao governo de São Paulo pelo Republicanos. Ele fez uma publicação em seu perfil no Twitter informando sua filiação
Felício Ramuth, prefeito de São José dos Campos, concorrerá ao governo de São Paulo pelo Partido Social Democrático (PSD)
Altino Junior (PSTU)- O Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado lançou o político como pré-candidato ao governo de São Paulo nas eleições de 2022

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga a coluna no Twitter e no Instagram para não perder nada.