Com Bruna Lima, Edoardo Ghirotto, Eduardo Barretto e Naomi Matsui

Del Nero desafia Fifa e se comunica com dirigentes; veja prints

O ex-presidente da CBF mantém contato com dirigentes do futebol, o que é proibido pela condenação imposta pela FIFA

atualizado 29/07/2021 17:11

Fabio Rodrigues Pozzebom/ Agência Brasil

Apesar de estar banido pela Fifa e proibido de se relacionar com profissionais do futebol, o ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) Marco Polo Del Nero ainda mantém contato com dirigentes de grupos de WhatsApp de diretores da CBF e de presidentes de federações. A condenação imposta pela entidade máxima do futebol mundial é taxativa em determinar que Del Nero está impedido de ter esse tipo de relação.

Prints obtidos pela coluna mostram que Marco Polo Del Nero é um dos administradores do grupo “Colégio de Presidentes”, formado por presidentes de federações estaduais, os mesmos que julgarão a permanência ou não de Rogério Caboclo, seu adversário, na presidência da CBF.

A influência de Del Nero entre diretores da CBF também se mostrou em outro episódio. Após o afastamento de Rogério Caboclo da presidência da entidade, em 6 de junho, sob a acusação de assédio sexual e moral, Del Nero integrou a debandada dos integrantes do grupo “Diretoria de Craques”, que reunia a diretoria da Confederação. Pela decisão da Fifa, ele não deveria nem fazer parte desses grupos.

Ao sair, Del Nero publicou um meme com uma mensagem em que dava uma cotovelada indireta em Caboclo:

“Cargos são temporários, títulos são provisórios, mas a maneira como você trata as pessoas sempre será lembrada”.

Procurado, Del Nero não respondeu às tentativas de contato da coluna para se manifestar.

Veja os prints abaixo.

0

Siga as redes do Guilherme Amado
Últimas da coluna