Iêda Cagni é eleita presidente do Conselho de Administração do BB

A procuradora da Fazenda Nacional Iêda Aparecida de Moura Cagni será a primeira mulher no cargo de presidente do CA do Banco do Brasil

A procuradora da Fazenda Nacional Iêda Aparecida de Moura Cagni foi eleita presidente do Conselho de Administração do Banco do Brasil, na quarta-feira (5/5). Trata-se da primeira mulher a ocupar o cargo.

Iêda assume a função em substituição a Hélio Magalhães. Ele renunciou após afirmar que o indicado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para presidir o BB, Fausto Ribeiro, não tem experiência.

A nova presidente do Conselho de Administração do BB é graduada em direito pelo Centro Universitário de Anápolis, tem especialização em direito público, MBA e mestrado em administração pública. Iêda foi coordenadora-geral de Administração da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional e diretora de Gestão Corporativa. Atualmente, ela é secretária-geral de Administração da Advocacia-Geral da União (AGU).

O CA elegeu Walter Eustáquio Ribeiro como vice-presidente do colegiado.

i