Carros em uma velocidade e precisão que você ainda não viu.

Chegou o 500e, a versão elétrica do icônico e charmoso carrinho da Fiat

O charmoso hatch mantém as origens clássicas visuais, garante autonomia de até 460km e custa R$ 240 mil

atualizado 05/08/2021 18:00

Foto: Stellantis/Divulgação

A marca italiana Fiat, agora controlada pela Stellantis, finalmente entrou no universo dos carros elétricos no Brasil. E chega logo com o icônico 500, ou Cinquecento, nascido em 1957 e que sempre manteve um visual vintage, digamos assim. O modelo tem autonomia de 320 km, mas vale ressaltar: como a ansiedade do pé do motorista sempre varia, o pequenino pode ir a até 460 km. E gastando, por carga completa, uns R$ 35 a R$ 40. Sabem o que significa? Que o consumo seria, combustíveis tradicionais como a gasolina, um gasto de fenomenais 62 km/l. O preço de tudo isso? R$ 240 mil pela versão única.

Bem, o simpático carrinho está maior, mais conectado e ganhou até sistemas de assistência à condução. O 500 elétrico será vendido no Brasil na versão Icon em dez concessionárias de nove cidades: Porto Alegre (RS), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Campinas (SP) e São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Belo Horizonte (MG), Brasília (DF) e Recife (PE).

Mesmo totalmente renovado, o 500 elétrico se mantém ligado às origens clássicas – principalmente no visual, claro. Ganhou logotipo especial, no centro do emblema frontal, e da parte traseira mantém seu vínculo com o passado (veja fotos). 

0

O conjunto de faróis redondos agora é full LED – e destacando o DRL no capô como se fossem “sobrancelhas” e os faróis com o efeito espelho infinito e luzes de direção no para-choque. O modelo cresceu em 61mm no comprimento, 22mm no entre-eixos, 57mm na largura e 29mm na altura.


Vida interior – A parte interna do 500 elétrico foi também bem projetada. É o que os profissionais da Fiat chamam de interpretação contemporânea do estilo atemporal do modelo. E é verdade: o painel, o volante de dois raios e o cluster arredondado fazem uma conexão clara com o veículo original de 1957.

Entretenimento – O sistema vem numa grande tela sensível ao toque de 10,25” no formato wide, combinado com um cluster digital de 7”.

Porta-tudo e mais – Entre os dois bancos dianteiros, onde o câmbio estava originalmente localizado, um novo console central oferece armazenamento de 5,7 litros, um porta-copos atrás e um adicional retrátil na frente. Sem falar no novo apoio de braço para maior conforto de condução. A capacidade do porta-malas, mesmo com o piso plano que abriga a bateria, não mudou: são apenas 185 litros. Mas, para um carro exclusivamente urbano…

Modos de condução – São três (o normal, o range e o sherpa). O primeiro, oferece um estilo de direção mais próximo à experiência tradicional, quando toda a potência e torque ficam disponível e o carro desacelera com efeito de freio-motor, como em um veículo convencional, carregando parcialmente a bateria. A segunda melhora a recuperação da energia e a terceira  ajusta vários parâmetros, como velocidade máxima (limitada a 80 km/h), resposta do acelerador (reduzir o consumo de energia) e desativação do ar-condicionado para reduzir ao mínimo o consumo – e, assim, garantir que o condutor alcance a estação de carregamento mais próxima.

O motor – Entrega 87 kW, o que equivale a 118cv de potência. O que mais impressiona, entretanto, é o torque, que atinge surpreendentes 22kgfm, garantindo em apenas 9 segundos para que atinja 100 km/h, e com uma retomada de 60km/h a 100 km/h em 4,8 segundos.

Som de alerta – O 500e vem com um sistema que avisa da sua presença para pedestres e ciclistas em velocidades de até 20 km/h. A partir de 25 km/h, o som escolhido não é um sinal acústico comum, mas sim Amarcord, de Nino Rota.

Carregamento – O modelo vem com um cabo padrão de 6 metros para carregamento doméstico, que se conecta a uma tomada de três pinos em casa. A tomada inteligente Type 2, na lateral direita do veículo, carrega tanto em AC (corrente alternada) como em DC (corrente contínua). Sobre carregadores rápidos, a Fiat indica parceira para venda e instalação dos WallBox, no qual a carga completa pode se dar em até 4 horas. E a Fiat fez parceria com a Estapar para oferecer 250 pontos de recarga em 23 cidades de 10 estados brasileiros. Claro que as concessionárias da marca terão estações para carregamento. E para otimizar o tempo de recarga, o 500 inclui sistema de carga ultra-rápida em corrente contínua de até 85 kW, para recarregar a bateria muito rapidamente. Dessa maneira, são necessários apenas 5 minutos para gerar uma reserva de energia suficiente para viajar 50 quilômetros dentro da cidade, mais do que o necessário para o uso diário médio. E a carga ultrarrápida também pode carregar a bateria até 80% em apenas 35 minutos.


Adas – Assim como em outros modelos mais premium da Fiat e da Jeep, o 500e tem o Sistema Avançado de Condução Assistida (o Adas) – que, entre outras coisas, junta uma câmera atrás do espelho retrovisor interno com outra frontal, escondida no logotipo do modelo, para garantir o controle longitudinal e lateral do veículo em todas as velocidades. Tem também outros recursos bem interessantes:

  • Controle de cruzeiro adaptativo 
  • Reconhecimento de sinais de trânsito 
  • assistente de frenagem autônoma com detecção de pedestre;
  • detector de placas de limite de velocidade;
  • detector de fadiga;
  • monitoramento de ponto cego;
  • sensores de estacionamento 360°;
  • assistente de estacionamento 
  • seis airbags
  • sensor de chuva e monitoramento de pressão dos pneus

Sempre conectado – Basta usar seu smartphone ou até mesmo smartwatch e assistente virtual Alexa para controlar o veículo e verificar o nível de carga, agendar o funcionamento do ar-condicionado e o carregamento do veículo.

Chamada de emergência (SOS) – Por meio do botão SOS localizado no console do teto, o dono pede assistência na estrada e, com outro assistente, ajda na recuperação se o carro for roubado ou furtado. 

Conexão WI-FI – O modelo tem sistema embarcado de Wi-Fi capaz de conectar até 8 dispositivos ao mesmo tempo. Na plataforma, outros serviços: 

  1.  Informações do veículo: informa sobre nível da bateria, pressão dos pneus, odômetro, vida útil do óleo, tanto por meio de aplicativo móvel, portal da Web e sistema de entretenimento informativo no veículo;
  2. Alertas de manutenção: quando uma falha é detectada, um indicador de aviso / alerta de mensagem específico é enviado por meio de “notificação push” no aplicativo móvel e portal da web. Os alertas de veículos são baseados nas seguintes categorias: bateria, freios e suspensão, segurança e luzes;
  3. Atualização remota de software: o dono não precisa ir à concessionária para baixar novos dados do software da central multimídia, por exemplo

 

Últimas notícias