Atriz de Capitão América alega legítima defesa após matar a mãe

Segundo o TMZ, a autópsia da vítima indica o contrário, Mollie Fitzgerald está presa sob fiança de US$ 500 mil (cerca de R$ 2 milhões)

atualizado 15/01/2020 18:48

Reprodução

Mollie Fitzgerald, que participou do filme Capitão América, está sendo acusada de matar a própria mãe, Patricia, em dezembro de 2019, no Kansas (EUA).

Segundo o TMZ, a defesa da atriz alega que ela teria agido em legítima defesa, depois de ser atacada pela progenitora. Segundo a versão de Mollie, ela acabou esfaqueando Patricia quatro vezes nas costas na tentativa de contê-la.

0

A autópsia da vítima, no entanto, indicaria o contrário. Ainda de acordo com o site americano, a perícia encontrou lesões defensivas nas mãos da mulher, além de hematomas pelo corpo, não encontrando “ferimentos consistences que provem que Patricia tenha dado qualquer golpe ou tivesse sob o controle da faca”.

Mollie Fitzgerald teve participação pequena no filme Capitão América: O Primeiro Vingador (2011). Ela está presa sob fiança de US$ 500 mil (cerca de R$ 2 milhões). O motivo do crime ainda não foi esclarecido.

Últimas notícias