Que diferença faz a posição dos pés no agachamento e leg press?

Executar os exercícios com os pés bem juntinhos não trabalha mais os glúteos, como dizem por aí

Muitas vezes presenciei, durante a execução de exercícios de agachamento, leg press e até mesmo para panturrilha, pessoas mudando a posição dos pés. Será que isso interfere na ativação de outro músculo?

Na realidade, trocar a posição não faz o “trabalho” de determinada região do seu corpo ser maior. Parece que você sente mais a região interna das coxas ao executar com as pernas mais afastadas? Não se engane! Trata-se apenas de uma posição mais alongada. Experimente fazer uma abertura e sentirá o mesmo efeito.

Sobretudo no agachamento, o que muda é simplesmente a base. Pernas abertas na largura do quadril favorecem a execução de um movimento mais completo, com maior amplitude. Já pernas afastadas ajudam a aumentar a área de contato com o chão, permitindo suportar cargas maiores.

É errado, porém, pensar que isso é uma vantagem. As pernas comprometem a amplitude do movimento. Entre a amplitude e a carga, eu fico com a amplitude, desde que, claro, o movimento se comprometa.

E mais:

Para execução correta, deve-se colocar as pernas abertas na largura do quadril, com as pontas dos pés levemente para fora, naturalmente, evitando que os joelhos fiquem em valgo (apontados para dentro), pois isso aumenta o risco de lesão.

Além disso, no caso do leg press, é preciso segurar firmemente nas alças laterais (para evitar que o quadril saia da plataforma durante o movimento e sobrecarregue a sua lombar) e realizar o movimento com a maior amplitude possível.

Fique sempre atento aos sinais do seu corpo e busque ajuda de um profissional qualificado.