*
 
 

A ordem da prática dos exercícios é uma dúvida frequente entre os praticantes de exercícios. Vou usar como base um estudo do Roberto Simão, professor da UFRJ reconhecido internacionalmente, como referência no assunto.

A ciência tem mostrado que a ordem do exercício é, sim, uma variável importante, que afeta tanto as respostas agudas (desempenho da repetição) quanto as adaptações crônicas (força e hipertrofia).

Em termos das respostas agudas, foi constatado que se consegue fazer mais repetições de um exercício quando ele é colocado no início do treino, independentemente da quantidade relativa de massa muscular envolvida.

Em termos de adaptações crônicas, foi observado aumento de força em indivíduos não treinados para o primeiro exercício de uma determinada sequência, porém, os ganhos de força foram inibidos para o último exercício.


Por fim, a pesquisa sugere que os exercícios sejam ordenados com base na prioridade do aluno, de acordo com o objetivo de treinamento do programa, independentemente de a prática envolver um grupo muscular grande ou pequeno. Ou seja, para melhor desempenho, comece trabalhando os grupamentos musculares que você deseja melhorar.



 


exercíciosboa forma