*
 
 

Os alimentos afrodisíacos, como pimenta e canela, possuem uma série de nutrientes com propriedades estimulantes que colaboram para o aumento da produção de hormônios sexuais. Esse incentivo atua diretamente na libido, melhorando o apetite sexual.

Este tipo de alimento também é capaz de aumentar a sensação de bem-estar, tanto em homens como em mulheres.

Para quem tem interesse em alcançar tais efeitos, é importante saber que o consumo precisa ser em grande quantidade. De quebra, eles agregam sabor e nutrição aos pratos.

Confira algumas opções:

 

iStock

Maca Peruana – Tubérculo nativo da região andina do Peru

 

Reprodução/Internet

Ginseng – É capaz de oferecer efeitos revitalizantes

 

iStock

Açafrão-da-terra – Conhecido também como curcuma, é uma planta herbácea da família do gengibre

 

Reprodução/Casa Camponesa

Alho – Antibiótico natural e um dos temperos mais usados no Brasil

 

Rafaela Felicciano/Metrópoles

Pimentas – Entre as mais conhecidas no Brasil, estão malagueta, dedo-de-moça, biquinho e do reino

 

iStock

Abacate – A fruta possui a chamada “gordura boa” e ajuda na absorção de nutrientes, além de ser versátil na cozinha, em preparos de cremes, saladas e até sanduíches

 

iStock

Gengibre – Pode ser usado em cremes, chás, molhos, biscoitos

 

Divulgação

Morango – O alimento tem mais nutrientes do que a maçã e a banana

 

Daniel Ferreira/Metrópoles

Romã – Possui mais oxidantes do que o vinho e o chá-verde

 

Giovanna Bembom/Metrópoles

Melancia – Com alto teor de água, a fruta é consumida de forma significativa durante a temporada de verão

 

Consulte um nutricionista antes de incluir grandes porções dos alimentos na dieta.

 



 


alimentação saudávelBem-estaralimentos afrodisíacos