Servidores da saúde terão hospedagem por mais 45 dias em hotéis do DF

Repasse da Secretaria de Economia garantiu que Turismo renovasse o contrato com rede hoteleira, no total de R$ 1,1 milhão

atualizado 06/07/2020 19:38

A Secretaria de Turismo renovou por mais 45 dias o contrato do programa Acolher que garante hospedagem aos profissionais de saúde os quais estão na linha de frente do combate ao novo coronavírus no Distrito Federal. Antecipada pelo Metrópoles, a decisão ocorreu após a Secretaria de Economia liberar um aporte de R$ 1.162.500,00 para atender à programação orçamentária de Auxílio Financeiro Covid-19.

O acordo seria encerrado na última sexta-feira (03/07), mas o governador Ibaneis Rocha (MDB) avaliou a necessidade de ampliação da medida. Atualmente, 250 médicos, enfermeiros e técnicos em enfermagem usufruem do benefício.

A secretária de Turismo, Vanessa Mendonça, reforçou a importância do programa para preservar a saúde daqueles que lidam diretamente com a Covid-19 e garantir mais tranquilidade às suas famílias.

“Nesse momento, por determinação do nosso governador, a Setur renovou o contrato com os hotéis, seguindo as diretrizes da Secretaria de Saúde e com o apoio da Secretaria de Economia. Estamos muito felizes por poder continuar acolhendo e protegendo esses profissionais”, disse.

Tranquilidade

De acordo com o secretário-executivo de Saúde, Paulo Ricardo Silva, a determinação foi no sentido de manter as tratativas com as áreas envolvidas, e da Secretaria de Economia garantir a descentralização do recurso para assegurar o pagamento da hospedagem.

“Sabemos que no momento em que o profissional de saúde sai do hospital há um grande receio de contaminar seus familiares. O Programa Acolher traz mais tranquilidade a esses servidores que atuam na linha de frente contra a Covid-19, especialmente nesse momento de pico da pandemia. Por isso, houve uma conjunção de esforços para manter a iniciativa”.

O programa Acolher foi criado pelo Governo do DF em abril deste ano. Desde então, os profissionais que atuam no combate à Covid-19 tem acesso a diárias em instalações próximas aos hospitais que são referência no tratamento da pandemia.

O objetivo é preservar a saúde dos familiares dos servidores da saúde. A medida faz parte de um pacote para os funcionários públicos da área.

0

Últimas notícias