*
 
 

Prevista para o feriado do Dia do Trabalho (1º/5), a reunião com integrantes do Partido Democrático Trabalhista (PDT-DF) foi adiada, mais uma vez, para a quinta-feira (3). Integrantes da sigla preferiram aproveitar o sossego da data festiva a fim de encontrarem uma solução sobre o impasse vivido pela legenda no DF.

O Metrópoles noticiou que o partido tenta reverter a decisão do presidente da Câmara Legislativa, Joe Valle, que desistiu de concorrer ao Governo do Distrito Federal para tentar emplacar a candidatura ao Senado Federal. No entanto, Joe quer estar ao lado do ex-secretário de Saúde Jofran Frejat (PR), fato que incomoda correligionários do PDT.

A reunião seria a oportunidade para que o deputado distrital manifestasse sua decisão final. Caso não aceite a cabeça de chapa, o PDT passará a trabalhar com novas possibilidades para abrigar a candidatura do presidenciável Ciro Gomes em Brasília.

Uma das opções é lançar o ex-chefe da Casa Civil do governo Rodrigo Rollemberg (PSB) Hélio Doyle, que é recém-filiado ao PDT.



 


PDTHélio DoyleJoe Valleeleições 2018