*
 
 

O secretário-geral do diretório nacional do PSDB, deputado federal Marcus Pestana (MG), minimizou nesta quarta-feira (4/4) a desfiliação da ex-governadora do DF e pioneira do partido, Maria de Lourdes Abadia. Em conversa com a coluna, o cacique tucano declarou que o ninho nacional encara com “normalidade” a decisão da ex-correligionária.

“Ela [Abadia] está procurando o caminho no qual acredita, que não é o do partido. Nosso projeto agora é construir um palanque para a candidatura nacional de Alckmin, e isso não se dará com o apoio do partido a Rollemberg”, afirmou Pestana.

Internamente, quadros do PSDB se dizem fragilizados com a desfiliação da ex-governadora, tida como um dos símbolos tucanos na capital. Contudo, Pestana dribla os lamentos. “Ela é uma pessoa querida, mas está alinhada a um projeto em que não acreditamos. É natural o caminho escolhido por ela”, finalizou.

Procurado, o governador de São Paulo e presidente nacional do PSDB, Geraldo Alckmin, não comentou o assunto.



PSDBrollembergeleições 2018Marcus PestanaAbadiaPSDB Nacional
 


COMENTE

Ler mais do blog