Deputado se disfarça de morador de rua para “conhecer” realidade no DF

Integrante da Câmara Legislativa, Jorge Vianna filmou a ação como parte da campanha de doação de agasalhos para população carente

atualizado 12/07/2019 18:47

Um deputado distrital decidiu se “vestir de mendigo” e passar uma noite na companhia de moradores de rua no centro de Brasília. Filiado ao Podemos, Jorge Vianna explica que tentou, com a ação inusitada, conhecer um pouco mais da realidade no Distrito Federal. Acompanhado por uma equipe de filmagem e devidamente microfonado, o integrante da Câmara Legislativa (CLDF) colheu depoimentos de quem se preparava para dormir sob as marquises da Rodoviária do Plano Piloto, conhecido abrigo para pessoas em situação de vulnerabilidade.

“Eu não tenho coberta para esquentar o peito. Já estou velho e daí me dá uma pneumonia e eu morro na rua, igual a um cachorro”, desabafou um das pessoas, sem saber que estava sendo gravada. O vídeo foi postado na conta pessoal do político no Instagram.

Ainda como personagem, o deputado pediu dinheiro para cidadãos que aguardavam pelo transporte público. A desculpa foi de que precisaria pagar a passagem de ônibus. Nas investidas, apenas uma pessoa se solidarizou com a causa. “Eu passo o cartão para você”, disse uma mulher. Depois, ele também testou pedir pastel e caldo de cana em uma lanchonete do local.

Após a “atuação”, o distrital explicou aos entrevistados que, na verdade, havia feito uma campanha de arrecadação de roupas de frio e queria conhecer os beneficiados. “Vamos entregar os agasalhos a quem precisa. Antes, quero conhecer como vivem, como é a história deles”, justificou na filmagem.

Veja o vídeo:

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Uma publicação partilhada por Jorge Vianna (@jorgeviannadf) a

SOBRE O AUTOR
Caio Barbieri

Cursou jornalismo no Centro Universitário de Brasília (UniCeub). Passou pelas redações do Correio Braziliense, Agência Brasil, Rádio Nacional e foi editor-adjunto da Tribuna do Brasil. Ocupou a assessoria especial no Ministério da Transparência e foi secretário-adjunto de Comunicação do GDF. Chefiou o relacionamento com a imprensa na Casa Civil, Vice-Governadoria, Secretaria de Habitação e na Secretaria de Turismo do DF. Fez consultoria para vários partidos, entidades sindicais e políticos da Câmara Legislativa e do Congresso Nacional. Assina a coluna Janela Indiscreta do Metrópoles e cobre os bastidores do poder em Brasília.

Últimas notícias