*
 
 

Após a semana agitada na qual parte do viaduto da Galeria dos Estados desabou, Rodrigo Rollemberg (PSB) fugiu da euforia dos blocos brasilienses e escolheu um destino mais sossegado para o Carnaval: a fazenda Vereda, em Luziânia (GO), município do Entorno de Brasília. Segundo a assessoria, o governador do Distrito Federal foi, ainda na sexta-feira (9/2), aproveitar o ar livre ao lado da esposa, Márcia Rollemberg, e de uma neta.

A última semana não foi nada fácil para o chefe do Executivo local. Na quarta-feira (7), dia seguinte ao do desabamento na área central de Brasília, ele foi hostilizado por alguns cidadãos e chegou a protagonizar um bate-boca no restaurante Cantucci, na 403 Norte.

Rollemberg também enfrentou vaias durante a visita ao trecho do Eixão Sul que foi ao chão, além de pressão da oposição por não realizar manutenção na estrutura. Ainda na semana passada, decidiu pela exoneração do então chefe do Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF), Henrique Luduvice. Márcio Buzar, que era diretor de Edificações da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap), assumiu o lugar dele.

Por outro lado, o vice-governador do Distrito Federal, Renato Santana (PSD), desfilou pelas ruas da capital da República em blocos, como o Galinho de Brasília e o Mamãe Taguá, e ainda marcou presença no Carnaval no Parque. Santana disse que deu “um giro nos eventos” para curtir o feriadão com os três filhos adolescentes.

Arquivo pessoal

Vice-governador do DF, Renato Santana (PSD), foi visto em blocos da capital da República



 


Rodrigo RollembergGovernador do Distrito Federal