André Clemente é cotado para área econômica em eventual gestão Ibaneis

Auditor da Receita há 30 anos, ele acumula no currículo experiência como secretário da Fazenda e do Planejamento

DivulgaçãoDivulgação

atualizado 24/10/2018 0:05

Ex-secretário da Fazenda e do Planejamento, André Clemente é cotado para assumir as finanças do Governo do Distrito Federal em um eventual governo do candidato ao Palácio do Buriti pelo MDB, Ibaneis Rocha. O auditor da Receita tirou licença não remunerada e atua na campanha do emedebista.

Ibaneis não crava nenhum nome abertamente. Porém, nos bastidores, Clemente é visto como um forte candidato a ocupar cargo de notoriedade. Auditor da Receita há 30 anos, ele acumula no currículo experiência como secretário de Fazenda nas gestões de José Roberto Arruda (PR), Paulo Octávio (PP) e Rogério Rosso (PSD).

Em 2010, ainda no governo de Rosso, assumiu o Planejamento. “Entreguei as contas equilibradas e dinheiro em caixa: R$ 1,8 bilhão de superavit”, destacou. Entre 2012 e 2014, foi secretário do Entorno por Goiás. Na eleição de 2014, disputou cargo de deputado distrital, mas não se elegeu. 

Ao Metrópoles, Clemente defendeu o desenvolvimento econômico com qualidade de vida para a população. Ele afirmou acreditar no potencial de geração de emprego por meio da criação de um projeto em parceria com empresas de pequeno porte. “O candidato [Ibaneis] prioriza muito os resultados a curto e médio prazo. Pensamos nas gerações atuais e futuras”, completou. 

Entretanto, Clemente diz não ter sido convidado oficialmente nem ter pensando no assunto até o momento. “Ibaneis não discutiu cargos com ninguém, e isso tem dado tranquilidade para a gente se concentrar na campanha e na estratégia do plano de governo”, concluiu. 

Clemente faz parte dos quadros do PSDB, mas acabou se desentendendo com integrantes do partido ainda na pré-campanha e se afastou. Foi um dos que recentemente ajudaram a negociar a migração de tucanos para o projeto do emedebista.

SOBRE O AUTOR
Isadora Teixeira

Formada pelo Centro Universitário Iesb, atua como repórter do Metrópoles desde 2017. Na editoria de Cidades, cobre assuntos políticos relacionados ao Distrito Federal

Últimas notícias