Rihanna x Anna Wintour: veja a entrevista mais quente do momento

Em conversa com a editora-chefe da Vogue norte-americana, a dona da Fenty deu detalhes sobre moda, música e vida pessoal. Confira vídeo!

atualizado 11/10/2019 7:59

Reprodução/YouTube

Tudo que é ligado a Rihanna faz sucesso, na música, na moda ou no empreendedorismo. Na edição de novembro deste ano da Vogue norte-americana, a cantora foi escolhida para estampar a capa. Para completar, ela conversou em vídeo com Anna Wintour e soltou várias revelações.

Vem comigo!

Rihanna participou do quadro Go Ask Anna, divulgado no YouTube. A iniciativa funciona como uma conversa divertida em que a editora-chefe da Vogue US faz perguntas, mas também responde.

Reprodução/YouTube
A conversa foi descontraída

 

Uma das primeiras questões levantadas pela cantora foi se Wintour havia sentido sua falta no Met Gala deste ano, ao qual ela não pôde comparecer.

A última edição do baile que marca a abertura da exposição anual do Instituto de Vestuário do Metropolitan Museum, em Nova York, teve tema baseado no camp, estilo marcado pelos exageros. A referência é usada como sinônimo de extravagância, mas principalmente definida como esotérica e um símbolo de identidade e personalidade, o que Rihanna tem de sobra.

“O mundo inteiro sentiu sua falta. Foi muito menos camp sem você”, afirmou Wintour. “Mas você me prometeu que estará de volta no ano que vem, e, quando estivermos com as câmeras desligadas, vou te adiantar o tema, porque você vai amá-lo”, revelou.

A jornalista britânica contou quais dos looks de Rihanna escolhidos para o evento estão entre os seus preferidos da história. Um dos citados foi o vestido de 2018, da Maison Margiela, bordado com pérolas.

Reprodução/YouTube
Anna Wintour elegeu os looks preferidos usados por Rihanna no Met Gala ao longo dos anos

 

Como esperado, as perguntas respondidas por RiRi não deixaram nada a desejar. Questionada sobre a possibilidade de ter filhos, ela disse que está seguindo os “planos de Deus”. “Mas eu estou ansiosa em relação a todos os rumores de gravidez depois dessa entrevista”, brincou.

A estrela da música revelou ainda que, se um dia casar, quer um vestido desenvolvido por ela mesma em parceria com o estilista John Galliano. Não há dúvidas de que seria um wedding dress icônico!

Reprodução/YouTube
Para um possível casamento no futuro, RiRi quer um vestido criado por John Galliano em uma collab com ela mesma

 

Reprodução/YouTube
E o tão esperado álbum novo?

 

“Todo mundo quer saber.” Foi assim que Anna Wintour se referiu ao próximo álbum da artista. Questionada sobre a data de lançamento, Rihanna disse que está “pendente”.

 

Assista à entrevista completa:

Na capa da Vogue norte-americana, Rihanna aparece misteriosa, com um toque de sensualidade. Para rechear a revista, a popstar foi fotografada por Ethan James Green.

Além disso, em entrevista à jornalista Abby Aguirre para a publicação, RiRi falou sobre a criação da Fenty. A artista contou que abrir uma grife de luxo foi algo inesperado e surgiu de um convite de Bernard Arnault, diretor-executivo do grupo LVMH.

“Eu apenas pensei: sério? Ele tem certeza? Tipo, agora?”, lembrou. “E então você fica com essa oportunidade, que é realmente um grande risco para todos os envolvidos. Mas nunca tive medo de correr riscos”, continuou. “Eu estava tipo: você nunca teve medo de fazer ou tentar qualquer coisa, independentemente do resultado. Então aceitei, e fomos a todo vapor”, concluiu a atual empresária.

Ela ponderou, ainda, que só para montar a equipe da label demorou um ano. Agora, ela está totalmente dedicada aos negócios e, por isso, o novo trabalho musical, que terá referências do reggae, levará um tempo para sair.

“Não é como se eu pudesse me prender por um longo período de tempo, como eu tinha o luxo de fazer antes. Eu sei que tenho alguns fãs muito descontentes que não entendem os detalhes de como isso funciona”, lamentou Rihanna.

No editorial que incrementa a entrevista, a cantora usou peças da própria Fenty, além de Dolce & Gabbana, Alexander McQueen e Gucci. O responsável pelo styling foi Tonne Goodman.

Reprodução/Vogue US
Rihanna é a capa da Vogue US de novembro de 2019. Na foto principal, ela usa peças da própria grife, Fenty

 

Ethan James Green/Reprodução/Vogue US
Ela também vestiu Dolce & Gabbana

 

Ethan James Green/Reprodução/Vogue US
Em um dos cliques, ela está de vestido fluido e mangas bufantes da Gucci

 

Ethan James Green/Reprodução/Vogue US
Aqui, com vestido assimétrico Alexander McQueen

 

Vale ressaltar que Rihanna também está em fase de lançamento de uma biografia fotográfica. O livro, produzido durante cinco anos, inclui fotos antigas que representam momentos marcantes. Segundo a editora responsável, a Phaidon, várias imagens são inéditas.

Serão mais de 1 mil cliques distribuídos em cerca de 500 páginas. Publicada em quatro edições, a obra terá preços que variam de US$ 150 (para a edição comum) a US$ 111 mil na versão premium, que já está esgotada.

 

Colaborou Rebeca Ligabue

Últimas notícias