Looks comfy e branco se destacam no street style do Copenhague Fashion Week

As tendências da semana de moda dinamarquesa nas ruas também reuniram xadrez, estampas e calçados confortáveis

atualizado 14/08/2020 13:13

Looks de moletom da Semana de Moda de Copenhagen Christian Vierig/Getty Images

A última edição do Copenhague Fashion Week, conhecido pela proposta sustentável, ocorreu entre os dias 9 e 12 deste mês; os desfiles, a partir do dia 10. Reunindo uma programação com eventos digitais e físicos, a cidade deu a dose de street style que todos estavam sentindo falta. Por lá, as medidas de distanciamento social afrouxaram em abril e a Covid-19 está em uma situação controlada desde então. Nas ruas, destaque para looks completamente brancos e estampas variadas. Entre as padronagens, a predominância foi do xadrez. Os moletons e visuais confortáveis saíram do home office diretamente para as ruas.

Vem comigo conferir o que rolou!

Giphy/Getty Images/Reprodução

Moletons e looks comfy

Sucesso em lares do mundo inteiro e nas videoconferências do Zoom, os moletons e as peças mais confortáveis provaram que vieram para ficar, muito além do isolamento social. No CPHFW, uma dupla apostou no color blocking com blusa e calça de moletom e arrematou o visual com sandálias de salto, que deram um tom mais sofisticado. Em outros casos, como um blusão de modelagem ampla, um cardigã combinado com saia longa e um conjunto monocromático bege, foi o conforto que predominou.

Mulheres com looks de moletom na Semana de Moda de Copenhague
Jeanet Madsen e Thora Valdimars apostaram no color blocking e usaram o salto para dar um tom mais sofisticado ao visual

 

Mulher com look confortável na Semana de Moda de Copenhague
Blusa oversized, bermuda de ciclista, tênis esportivos e tote bag da Chanel

 

Mulher com look confortável na Semana de Moda de Copenhague
Outro exemplo de look confortável com papete

 

Mulher com look confortável na Semana de Moda de Copenhague
Elizabeth Delphine combinou uma saia longa com o cardigã rosa. Um look bem comfy!

 

Mulher com look confortável na Semana de Moda de Copenhague
Esta jovem apostou nas calças de modelagem ampla, combinadas ao tênis Triple S

 

Mulher com look confortável na Semana de Moda de Copenhague
Um visual com pegada mais despojada

 

Branco

Os looks brancos monocromáticos foram bem recorrentes nas ruas durante a programação do CPHFW, com variações de estilos e gostos. Como é possível notar nos exemplos abaixo, algumas adotaram conjuntos de alfaiataria. Em um deles, uma espécie de camisa oversized cortada acabou virando top e saia. Nos visuais mais relaxados, caso dos vestidos soltos, a papete (ou Birkenstock) foi a escolha que harmonizou o tom mais despojado.

Mulher com look todo branco no street style da Semana de Moda de Copenhague
Jeanet Madsen apostou no look all-white com estampa profunda e combinou também com a bolsa

 

Mulher com look todo branco no street style da Semana de Moda de Copenhague
Mathilde Gohler vestiu um look que é uma espécie de camisa cortada, em um misto de cropped e minissaia que deu certo

 

Mulher com look branco no street style da Semana de Moda de Copenhague
Gili Biegun complementou o visual em branco com preto e bege

 

Mulher com look todo branco no street style da Semana de Moda de Copenhague
Esta jovem adotou o branco também para as botas, mas preferiu uma bolsa com tonalidade rosada

 

Mulher com look branco no street style da Semana de Moda de Copenhague
Guri Heli com um visual mais veranil e despretensioso

 

Mulher com look todo branco no street style da Semana de Moda de Copenhague
Aqui, a papete complementa a pegada mais despojada do visual

 

Xadrez

Várias estampas deram as caras nas ruas de Copenhague durante os dias de programação do CPHFW, mas a principal delas foi o xadrez. Esta tendência apareceu em calças, saias, blazers e conjuntos, seja de maneira mais discreta, seja de forma mais chamativa. As opções em cinza, mais sérias, ganharam um toque ousado com os volumes e comprimentos.

Na escala dos tons terrosos, temos exemplos de um vestido e uma saia, mais rentes à silhueta. O vestido é campestre e romântico, enquanto a saia tem um ar moderno e elegante. Enquanto isso, o casaco em xadrez amarelo, verdadeiro statement, ganha, por si só, todo o destaque do visual.

Mulher usando look com estampa xadrez
Emili Sindlev combinou o xadrez do blazer com a estampa lilás da saia

 

Mulher usando look com estampa xadrez
Emilie Billington apostou em volumes modernos, com uma estampa xadrez mais discreta

 

Mulher usando look com estampa xadrez
Este blazer foi usado como um vestido

 

Mulher usando look com estampa xadrez
Justyna Czerniak com saia xadrez em tom terroso

 

Mulher usando look com estampa xadrez
Marie Hindkær com um vestido de ar campestre e romântico

 

Mulher usando look com estampa xadrez
O casaco é o ponto alto do visual!

 

Estampas em geral

Os desfiles desta edição foram referentes à temporada de primavera/verão 2021, e as estampas coloridas acompanharam o tom. As cores vivas das estampas florais trouxeram um ar alegre e leve, enquanto o animal print carrega uma pegada mais ousada, cheia de presença e personalidade. No exemplo do vestido azul, com pequenas manchas brancas que também remetem a uma estampa animal, os detalhes trazem tranquilidade e são mais discretos.

Mulher com look estampado na Semana de Moda de Copenhague
Lois Opoku com estampa floral bem veranil

 

Mulher com look estampado na Semana de Moda de Copenhague
Todas as cores deste look de Emili Sindlev conversam com a estampa da calça

 

Mulher com look estampado na Semana de Moda de Copenhague
Mais um floral, desta vez com um azul bem vívido ao fundo

 

Mulher com look estampado na Semana de Moda de Copenhague
A estampa animal é cheia de personalidade

 

Mulher com look estampado na Semana de Moda de Copenhague
Uma explosão de cores neste look

 

Mulher com look estampado na Semana de Moda de Copenhague
Aqui, a estampa é mais delicada e remete a uma espécie de animal print

 

Calçados confortáveis

Em todos os exemplos acima, a tendência predominante nos calçados foi o conforto. Diversas fashionistas investiram na praticidade dos tênis, mas as sandálias de dedo e as opções com salto baixo também tiveram uma forte presença. Papetes e Birkenstocks garantiram seu lugar de destaque pós-quarentena. Seja pelo clima ou pela pegada mais descontraída, botas foram exceção e apareceram com menos frequência.


Colaborou Hebert Madeira

Últimas notícias