Hyundai lança nova coleção de moda com peças descartadas de carros

A empresa automobilística traz mais uma edição do projeto sustentável Re: Style. Para 2020, a multinacional convidou seis marcas

atualizado 18/10/2020 16:07

Produtos feitos com descartes de automóveis Hyundai/Divulgação

Máquinas que ganham velocidade sobre quatro rodas encantam pelo design, potência e até mesmo pela economia. De olho no consumo, ou melhor, nos desperdícios de materiais durante a produção dos carros, a empresa automotiva Hyundai quer reaproveitar os materiais e, de quebra, entrar na moda. A montadora sul-coreana mostra sua excelência no ramo automotivo desde 1974 e, recentemente, embarcou no universo fashion com coleções de upcycling.

Vem comigo!

Giphy/Hyundai/Reprodução

Após o sucesso em 2019, ao ser lançado durante a Semana de Moda de Nova York, o Re:Style retorna para a edição de 2020. Desta vez, a Hyundai convidou seis estilistas para reciclar os materiais descartados durante fabricação e consertos automotivos, transformando-os em produtos de moda.

O time de criativos para a temporada é composto pelas marcas Alighieri, ELV DENIM, Public School, pushBUTTON, Richard Quinn e Rosie Assoulin. Juntas, elas se propõem a impulsionar a inovação em design sustentável e estilo de vida para o setor.

Devido à pandemia, a empresa optou pelo lançamento digital, que aconteceu no dia 8 de outubro. As peças de vestuário e acessórios resultantes da parceria já estão disponíveis nas redes sociais da Hyundai e nas lojas virtuais das marcas participantes.

“Na Hyundai Motor Company, entendemos que o consumo ético e o cuidado com o meio ambiente são considerações cada vez mais importantes de nossos clientes no mundo pós-Covid-19. Por meio do Re: Style 2020, queremos oferecer outra maneira pela qual a Hyundai pode ajudar os clientes a desfrutar do estilo de vida sustentável ao qual aspiram”, pontuou Wonhong Cho, vice-presidente executivo e diretor de marketing global da companhia.

Produtos feitos com descartes de automóveis
A Hyundai retorna com mais uma edição do projeto de moda sustentável

 

Produtos feitos com descartes de automóveis
A iniciativa é intitulada como Re: Style

 

Estilistas convidados pela Hyundai
Para 2020, a multinacional convidou seis marcas

 

Produtos feitos com descartes de automóveis
O resultado são peças incríveis feitas a partir de materiais que seriam descartados

 

Cada etiqueta convidada para o projeto colaborou com uma peça ou produziu uma coleção-cápsula. O Re:Style 2020 é composto ainda por uma linha de colares, gargantilhas, pulseiras e outros acessórios, criados a partir de cintos de segurança, pela etiqueta Alighieri.

A ELV DENIM assinou um macacão estiloso utilizando apenas jeans reciclado e restos de couro do processo de fabricação ou restauração de carros. Já a Public School desenvolveu um colete multifuncional, feito com cintos de segurança e materiais de airbag que iriam para o lixo. O resultado da peça tem transparência e costuras rústicas com filamento vermelho.

Outro colete, também fruto de airbag, foi assinado pela pushBUTTON. Mantém os detalhes originais do componente de segurança dos veículos automotores. Vale reparar também no espartilho com estrutura impecável. Desenvolvida pela grife Richard Quinn, a peça também encanta pela estampa floral azul e branco. A Rosie Assoulin deu origem a uma bolsa feita de cintos de segurança, tecidos de carpete e espuma.

Produtos feitos com descartes de automóveis
Entre as opções, estão acessórios e roupas

 

Produtos feitos com descartes de automóveis
Airbags se transformaram em coletes

 

Produtos feitos com descartes de automóveis
Uma das marcas convidadas desenvolveu a peça em versão multifuncional

 

Produtos feitos com descartes de automóveis
Joias também recheiam a coleção

 

Para Re: Style 2020, bem como sua edição em 2019, a empresa coletou vários materiais restantes com a ajuda de diversos parceiros e os enviou para os designers colaboradores. “Ao demonstrar que os recursos descartados podem ser reinventados em produtos valiosos, a Hyundai Motor Company incentiva mais indústrias a verem os resíduos como uma oportunidade de recriação e a trabalharem de forma colaborativa para um futuro ambientalmente responsável e economicamente eficiente”, enfatizou Wonhong Cho, representante da empresa.

Além do viés sustentável, a iniciativa está alinhada com o Projeto Terra. Trata-se de uma campanha com a mesma ideologia, comandada pela Selfridges, uma rede britânica de lojas de departamento sofisticadas e também varejista on-line.

As vendas dos produtos levantarão fundos para o Instituto de Moda Positiva do British Fashion Council. O objetivo é encorajar a colaboração entre indústrias e marcas para defender um novo pensamento e inovação em design ecológico.

Colaborou Sabrina Pessoa

Últimas notícias