Halima Aden, modelo muçulmana, lança máscaras de proteção com hijab

A jovem é uma das parceiras de projeto que doará faixas e toucas para profissionais na linha de frente do combate à Covid-19

Modelo americana-somali Halima Aden com máscara e hijab criados para o projeto Banding TogetherHalima Aden/Banding Together/Divulgação

atualizado 03/06/2020 12:40

O uso dos equipamentos de proteção individual (EPIs), tão fundamentais no trabalho de profissionais de saúde, é um desafio ainda maior para mulheres muçulmanas. Ciente disso, a modelo americana-somali Halima Aden assina uma linha de EPIs dedicada a elas, em parceria com a startup de moda Anywear e a revista Allure. A novidade consiste em máscaras, hijabs e turbantes, com designs confortáveis e diferentes opções de cores.

Vem comigo saber mais!

Lançado em maio, o projeto Banding Together traz modelos que prometem manter os cabelos presos com segurança e estilo. Para combinar a máscara com o adereço de cabeça, basta encaixar os botões. Esse mecanismo oferece um alívio para as orelhas, protegendo da irritação provocada pelas tiras de máscaras convencionais após horas de uso.

Para cada conjunto vendido, a Anywear doará uma faixa ou touca hospitalar para médicas, enfermeiras e demais trabalhadoras que atuam na linha de frente do combate ao novo coronavírus. Todo o processo de criação das peças foi feito por videoconferências no aplicativo Zoom, incluindo os ajustes dos produtos, que podem ser lavados à mão ou na máquina.

Parceira da iniciativa, a revista Allure fez a curadoria dos nomes escolhidos para desenhar as peças. Além de Halima Aden, a lista inclui seis personalidades, como o maquiador Daniel Martin, a manicure Mei Kawajiri e o cabeleireiro Chris McMillan. Há também conjuntos criados pela própria Allure. Disponíveis via e-commerce, as peças são entregues no Brasil.

A linha desenhada por Halima é a única com hijabs; as demais têm bandanas, chapéus e faixas de cabelo inspiradas em turbantes. Para a jovem de 22 anos, que já trabalhou na limpeza dos quartos de um hospital, o lançamento tem um significado ainda mais especial. Os designs são feitos de algodão 100% orgânico em cores pastel, com exceção do turbante de viscose com paetês.

“Foi importante, para mim, apoiar este projeto. Como muitas mulheres que usam hijab estão trabalhando em unidades de saúde, eu queria ter certeza de que elas tivessem uma opção confortável para usar uma máscara enquanto mantinham os cabelos cobertos”, comenta em declaração oficial.

Famosa por usar hijab nos trabalhos como modelo, Halima Aden desenhou uma linha de máscaras de proteção, hijabs e turbantes para projeto beneficente da startup Anywear com a revista Allure

 

Modelo americana-somali Halima Aden com máscara e turbante criados para o projeto Banding Together
A ideia é ajudar a aliviar a dor e a irritação provocada pelos EPIs tradicionais nos profissionais de saúde, com estas opções adaptadas que se encaixam em botões. A linha desenhada por Halima é pensada especialmente para as mulheres muçulmanas, como ela

 

Conjunto de máscara e turbante desenhado pela modelo Halima Aden para o projeto Banding Together
A própria modelo americana-somali já trabalhou em um hospital. Este é um dos conjuntos de sua linha para o projeto, batizado de Banding Together

 

Nascida em um campo de refugiados no Quênia, Halima Aden tem nacionalidade americana-somali e mora nos Estados Unidos desde os 6 anos de idade. Ela chamou atenção quando representou o estado de Minnesota no concurso Miss USA usando um hijab, em 2016.

Ainda na competição, na qual foi semifinalista, a jovem inovou ao vestir um burkini na categoria de roupa de banho. Dali em diante, sua carreira deu um salto: ganhou um contrato com a IMG Models, desfilou em diferentes semanas de moda, estrelou capas de revista e se tornou embaixadora da Unicef em 2018.

Para sua linha no projeto Banding Together, Halima pensou em peças que ela mesma gostaria de ter usado quando trabalhava no Hospital St. Cloud, como disse à Vogue norte-americana.

Em comunicado oficial, Halima explica o processo criativo da novidade. “Eu realmente queria que as peças dessem uma sensação de tranquilidade e calma, então fui com tons suaves que trazem uma sensação de paz”, esclarece. Vale destacar que o uso de hijab é uma parte não negociável nos contratos da modelo. Ou seja, ela usará a vestimenta religiosa em qualquer trabalho!

Máscaras desenhadas pela modelo Halima Aden para o projeto Banding Together
As máscaras, hijabs e turbantes são feitos de algodão 100% orgânico e estão disponíveis no e-commerce da iniciativa, em cores pastel

 

Turbante desenhado pela modelo Halima Aden para o projeto Banding Together
Halima queria que as peças passassem uma sensação de tranquilidade e calma

 

Turbante com paetês desenhado pela modelo Halima Aden para o projeto Banding Together
Este é o turbante mais diferente, com paetês

 

O ofício de vários trabalhadores ao redor do mundo foi afetado pela pandemia de Covid-19. Com a jovem modelo não foi diferente, mas ela mantém a esperança. “Eu continuo me lembrando de algo que minha mãe sempre diz: ‘Os tempos difíceis não duram, mas as pessoas fortes, sim'”, acredita.

A ideia da iniciativa Banding Together partiu da própria Anywear. Uma das fundadoras, Emily Shippe, é jornalista e escreveu uma reportagem para a revista Allure sobre a dor e o desconforto causado pelos EPIs nos trabalhadores da linha de frente. Por isso, a marca se propôs a desenvolver produtos mais confortáveis e procurou a publicação para uma parceria. O artigo convidou profissionais de beleza, a top model e uma dermatologista para trazer “um pouco de beleza e brilho” às peças.

Conjunto de faixa de cabelo e máscara do projeto Banding Together
Conjunto Western, um dos modelos criados pelo cabeleireiro Chris McMillan

 

Conjunto de faixa de cabelo e máscara do projeto Banding Together
Peças desenhadas pelo maquiador Daniel Martin

 

Conjunto de faixa de cabelo e máscara do projeto Banding Together
Conjunto da linha da dermatologista Shereene Idriss

 

Conjunto de faixa de cabelo e máscara do projeto Banding Together
A manicure Mei Kawajiri criou o set Punk

 

Conjunto de faixa de cabelo e máscara do projeto Banding Together
Chapéu da linha criada pela maquiadora Nam Vo

 

Conjunto de faixa de cabelo e máscara do projeto Banding Together
Este é da cabeleireira Nikki Nelms

 

Conjunto de faixa de cabelo e máscara do projeto Banding Together
Um dos conjuntos criados pela própria equipe da Allure

 

A marca estrearia no verão deste ano, como uma plataforma de venda para artistas emergentes, com a opção de personalizar roupas. Infelizmente, a pandemia forçou as fundadoras Emily e a sócia Adi-Lee Cohen a adiarem o lançamento, ainda sem data divulgada.

Os kits de proteção são os primeiros produtos lançados pela Anywear, que terá ênfase no trabalho com tecidos reciclados e peças sob medida. Emily, que atualmente é editora-gerente da Condé-Nast na Teen Vogue, é filha de uma enfermeira e vive nos Estados Unidos. Adi-Lee, por sua vez, é israelense e baseada em Tel-Aviv.

Colaborou Hebert Madeira

Últimas notícias