Opção de trabalhar seis horas diárias no BB fica indisponível

Empregados conseguiam escolher a jornada no sistema interno do Banco do Brasil, mas, nesta quinta, já não era mais possível acessar o item

atualizado 14/11/2019 21:08

Michael Melo/Metrópoles

Trabalhar seis horas no Banco do Brasil deixou de ser opção. No Sistema de Informações BB (SISBB), o item do plano de funções estava acompanhado de um jogo da velha nesta quinta-feira (14/11/2019), indicando a indisponibilidade de escolha da jornada.

Servidores especulam que a alteração é reflexo da Medida Provisória 905/2019, a qual promoveu mudanças trabalhistas.

A MP prevê que exclusivamente caixas de bancos terão direito à jornada de seis horas diárias. Qualquer outro cargo terá expediente de oito horas.

Em 2016, o BB lançou uma reestruturação na qual ampliava para cerca de 6 mil assessores da direção-geral e superintendências a possibilidade de trabalhar meia dúzia de horas por dia, com redução dos salários.

Desde então, funcionários poderiam sair da jornada de oito horas e optar por executar as funções em tempo menor e, consequentemente, receber menos. Agora, não é mais possível escolher.

No item 28 era possível escolher a jornada de trabalho, mas a opção está indisponível. Confira:

Últimas notícias