Igreja no DF é furtada menos de dois meses após ser depredada

Instrumentos musicais e equipamentos de som da comunidade evangélica de Santa Maria foram roubados

atualizado 14/01/2020 16:51

Material cedido ao Metrópoles

A igreja Sara Nossa Terra em Santa Maria foi furtada menos de dois meses depois de ser depredada.

A unidade do Comércio Local 403 ficou fechada por três dias e o crime foi percebido no sábado (11/01/2020).

Equipamentos de som e instrumentos musicais – incluindo violões, guitarras e baixo – foram levados.

Em 22 de novembro de 2019, a coluna Grande Angular noticiou que a igreja foi depredada. Bíblias foram rasgadas e até xixi foi feito no altar.

“Entraram de novo, só que, dessa vez, levaram tudo que a gente ganhou”, disse o pastor Tiago Lima. O líder da comunidade evangélica calcula prejuízo de R$ 20 mil.

O episódio de novembro é apurado pela Delegacia Especial de Repressão aos Crimes por Discriminação Racial, Religiosa ou por Orientação Sexual ou Contra a Pessoa Idosa ou com Deficiência (Decrin). A nova ocorrência é investigada pela 33ª Delegacia de Polícia (Santa Maria).

Confira como ficou a igreja após o furto:

Últimas notícias