Golpista usa foto de juiz do DF para negociar com vendedores

Presidente da Amagis, Fábio Esteves se queixou que é vítima de armação com origem em Mato Grosso. Ele disse que levará o caso à polícia

atualizado 23/12/2019 20:11

JP Rodrigues/Metrópoles

Presidente da Associação dos Magistrados do Distrito Federal (Amagis-DF), Fábio Esteves se queixou em suas redes sociais, nesta segunda-feira (23/12/2019), de que está sendo vítima de armação.

Segundo o juiz do TJDFT, alguém está usando o perfil dele do WhatsApp para enganar pessoas que anunciam produtos no site de vendas OLX.

O golpista substituiu a própria imagem pela foto de Fábio Esteves e tentou negociar com vendedores como se fosse o magistrado.

Desconfiados, os anunciadores acabaram pesquisando sobre a identidade do juiz e entraram em contato para denunciar a trama.

O magistrado disse à coluna que a tentativa de golpe partiu do Mato Grosso. Ele afirmou que vai levar o caso à polícia.

Confira a publicação de Fábio Esteves:

Reprodução/Instagram

Últimas notícias