Triste! Cão tenta defender dono e não consegue abandonar corpo

Companheiro da vítima por cerca de dois anos, o cachorro ficou ao lado do corpo do dono após o crime

Foto: Ralph Quevedo/Sentinela 24HFoto: Ralph Quevedo/Sentinela 24H

atualizado 13/02/2020 19:13

Um cachorro chamou a atenção de moradores do bairro Divisa, em Santana do Livramento (RS). Depois que o dono foi morto, ele permaneceu ao lado do corpo durante todo o trabalho da polícia e da funerária, nesta quarta-feira (12/02/2020).

O crime aconteceu durante a madrugada. De acordo com a Polícia Civil, Auri Rogério Lemes Mendes, de 32 anos, foi visto discutindo com um homem.

Imagens de câmeras de segurança registraram o momento em que Scooby correu atrás do suspeito, preso em flagrante horas depois do crime.

O corpo de Rogério, como ele era conhecido, foi encontrado próximo a uma parada de ônibus. Companheiro da vítima por cerca de dois anos, o animal ficou ao lado do corpo do dono.

Testemunhas contaram ao portal G1 que o pet não abandonou o dono em momento nenhum.

Em agradecimento à demonstração de amizade, a família de Rogério decidiu adotar Scooby.

SOBRE O AUTOR
Giulia Roriz

Formada pelo Centro Universitário de Brasília (UniCeub), passou pela redação do Correio Braziliense, onde produziu conteúdos sobre política, economia, cidades e turismo. No GPS|Lifetime, atuou como repórter no site e na revista impressa na área de gastronomia, entretenimento, lifestyle, décor, moda e cotidiano. Passou pela assessoria Naiobe Quelem Comunicação, atendendo a clientes de gastronomia e decoração.

Últimas notícias