Bretas, da Lava Jato, comemora ser seguido por Bolsonaro: “Gratidão!”

A postagem foi feita na conta do magistrado no Twitter

MARCOS ARCOVERDE/ESTADAO CONTEUDO/AEMARCOS ARCOVERDE/ESTADAO CONTEUDO/AE

atualizado 16/09/2019 14:30

O responsável pelos inquéritos da força-tarefa da Lava Jato no Rio de Janeiro, o juiz Marcelo Bretas comemorou nesta segunda-feira (16/09/2019) ter entre seus seguidores na rede social o presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL). Em resposta ao presidente, o juiz escreveu: “Honrado em ter dentre os seguidores desta conta Twitter o Presidente da República do Brasil. Gratidão!”, agradeceu.

No Rio, o filho mais velho do presidente, Flávio Bolsonaro, senador pelo PSL, é investigado na Operação Furna da Onça,  um desdobramento da Lava Jato no estado. A investigação contra Flávio e seus antigos assessores na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) encontra-se suspensa por decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Antônio Dias Toffoli, que impediu apurações com base em dados do Conselho de Controle de Atividades Financeira (Coaf), transformado, recentemente, pelo governo, em Unidade de Inteligência Financeira (UIF).

SOBRE O AUTOR
Luciana Lima

Jornalista formada pela Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), atua em redações de jornal, rádio, TV e internet desde 1998. Como repórter, trabalha na política nacional, em Brasília, atuando na cobertura das últimas campanhas eleitorais e reportando os fatos políticos e bastidores do Congresso e do Planalto. Também acompanhou acontecimentos internacionais de relevância, como a expansão da política externa brasileira na África e Oriente, o terremoto ocorrido no Haiti em 2010 e visitas presidenciais à Europa e à América Latina.

Últimas notícias