Você é 78% confiável? O povo que reclama da vacina do Butantan tá mais puro que a vacina

Pra aqueles que inventaram a frase "direitos humanos pra humanos direitos": vacina 78% confiável pra humanos 78% confiáveis

atualizado 10/01/2021 12:35

vacina covid Hugo Barreto/Metrópoles

Agora tu vê.

O povo no Facebook dizendo que não vai tomar a vacina do Butantan, porque ela é APENAS 78% confiável. Como se eles fossem 10% confiáveis. Eu entro no perfil deles, é terraplana, Bolsonaro 2022, mamadeira de órgãos genitais.

A vacina é mais confiável que tu, irmão.

Se eu botar 20 merréis na tua mão, duvido que dura 3 dias. Tu gasta tudo no Uber Eats em 2 minutos. Diz que ama esposa e família, mas o teu zap é uma orgia. Tá com nome no SPC/SERASA, com o score mais baixo que a ficha criminal do Crivella, e mete essa de que só toma vacina confiável, A VACINA É QUE TINHA QUE SELECIONAR. Vocês não inventaram aquela frase: “Direitos humanos pra humanos direitos”? Então, vacina 78% confiável, pra humanos 78% confiáveis.

Tem que pegar teu Facebook desde o tempo do Aécio. E ver se tu não tem foto com Luciano Huck. E se nunca compartilhou vídeo de Morgan Freeman no Dia da Consciência Negra, que vai mudar o nome pra Dia da Paciência Negra, PORQUE OLHA. Haja.

Se passar nos testes, ainda tem os testes clínicos e eleitorais. Se confirma que a terra é redonda, ganha mais um ponto. Se votou em alguém do MBL, PSL ou Novo, perde. Se foi em festa, perde. Se não usou máscara, ou ensinou pessoas a andar sem máscara no shopping, tomando sorvete, menos 30 pontos.

Mas fica esperto com a foto com o Luciano Huck. Isso aí é um perigo.

Fiquei morrendo de medo de na virada ele levar oferenda pra Iemanjá.

Vendo a hora de Iemanjá sair do mar lavando Luciano na porrada.

E se você já deu pente, escova de cabelo e doce de abóbora de camelô pra Iemanjá, perde ponto também, porque agora Iemanjá parou de sofrer calada.

Elba Ramalho deixou de ser confiável pra mim, quando disse que Covid é invenção comunista pra destruir os cristãos. Amigo, até a democracia norte-americana deixou de ser confiável depois de 6 de janeiro.

Os cara vestido de Jamiroquai invadiram a porra toda no Capitólio, resultou em 5 mortos, Trump sem Twitter, o Biden usando um terno listrado feio pra caralho comprado na Impecável Maré Mansa do calçadão de Duque de Caxias, e eu confiava que ele ia continuar se vestindo bem.

Então, meu amigo, vacina de 78% pra quem é, tá bom. Ninguém sofre sintoma grave e pode voltar pra festa sem ser filmado pela página do CovidFest. Credo, no meu tempo a gente ia pra festa implorando pro I Hate Flash tirar uma foto nossa no rolê, hoje pode aparecer no Instagram deles sendo denunciado.

Mas errado não tá. Não pode ir pra festa. E tanto não pode, que amigas que trabalham em centros de saúde no Rio, me disseram que as pessoas que comemoraram o Natal tão batendo na emergência hoje.

Na sexta, 1.379 mortes e OITENTA E CINCO MIL NOVOS CASOS. Sabe quantos morreram nos Estados Unidos no mesmo dia? QUATRO MIL E DEZ PESSOAS. Isso mesmo. No dia 8 de janeiro, morreram 4.010 pessoas.

Daí que o Fachin disse que é pra abrir o olho em 2022, porque o presidente, que não é nem 2% confiável, vai querer dar o golpe, reclamando da urna eletrônica, que é 100% confiável.

Não é nem dia 10, e 2021 já foi essa emoção.

Eu ando ouvindo Paulinho Moska no último volume, e cantando.

“Se o mundo fosse acabar,
Me diz o que você faria,
me diz o que você faria,
me diz,
o que você faria?”

Tô começando a fazer minha check list pro fim do mundo.

Porque se pensar bem, num Brasil fundamentalista, com traficante evangélico formando um tal de Complexo de Israel, com Estados Unidos igual república de banana prata, com toda essa baixaria da direita no poder, e com uma séria ameaça de Sandy e Junior gravar um novo DVD, acho que o mundo acabou e a gente que não foi avisado.

E acabou mesmo. Um mundo sem Genival Lacerda, não tem mais nada.

* Este texto representa as opiniões e ideias do autor.

Últimas notícias