Vítima da Covid-19, cartunista Nani é cremado em Minas Gerais

O artista morreu, aos 70 anos, em Belo Horizonte vítima da Covid-19

atualizado 09/10/2021 15:51

Cartunista NaniGuga Guerra/EBC

O cartunista Nani foi cremado no Parque Renascer, em Contagem (MG), neste sábado (9/10). O artista morreu, aos 70 anos, em Belo Horizonte vítima da Covid-19.

Nani, conhecido pela tirinha Vereda Tropical, deixa dois filhos, Juliano e Danilo; uma neta, Manuela; e a esposa, Inez.

O artista cumpria isolamento social em Esmeraldas, sua cidade natal, desde o início deste ano. Ele foi infectado com a Covid-19 logo após se mudar para o Rio de Janeiro.

De acordo com a família, Nani estava internado havia uma semana na capital mineira.

O cartunista fazia parte do grupo de risco para a Covid-19. Ele ficou conhecido na medicina brasileira por ter passado por três transplantes de fígado em apenas um mês.

Últimas notícias