“Papelão”, diz Ivete Sangalo sobre vídeo de brasileiros na Copa

Outros artistas se manifestaram na postagem feita pela cantora. "Queria ver se fosse com a irmã ou a mãe deles", disse o cantor Alok

atualizado 19/06/2018 11:22

Reprodução

A cantora Ivete Sangalo se pronunciou nas redes sociais, nesta segunda-feira (18/6), sobre vídeo que mostra um grupo de brasileiros falando palavras de baixo calão para uma mulher na Rússia, durante a Copa do Mundo de 2018.

As imagens viralizaram na web e chocaram internautas. Entre outros impropérios, o grupo cantou “essa buceta é bem rosinha”, referindo-se à cor da mulher. A moça, que obviamente não entende uma única palavra em português, cantou junto a eles, sem ter noção do desrespeito.

“Nesse vídeo, desde o momento que recebi, vejo uma infinidade de equívocos. Lamentável que muitos de um mesmo grupo participam desse papelão machista. Falta de lisura, de educação, de hombridade. Sinto tanta vergonha por vocês, garotos”, escreveu a cantora.

Outros artistas se manifestaram na postagem feita por Ivete. “Queria ver se fosse com a irmã ou a mãe deles”, disse o cantor Alok. “Que tristeza, viu!? Não dá para acreditar”, escreveu Mariana Rios. “Que triste esses seres tão inconscientes”, comentou Gisele Bündchen.

A cantora Fafá de Belém também se indignou. “Que coisa horrível! Quem será que criou estes babacas? Tiveram mãe, tem irmãs, tias, avós? Tem noção de respeito, família, sociedade, humanidade? Deploráveis, escrotos, babacas inúteis.”

0

Um dos integrantes do vídeo foi identificado por internautas como o ex-secretário de Turismo de Ipojuca (PE), à época no PSB, Diego Valença Jatobá. O município fica na região metropolitana de Recife. Jatobá foi procurado pela reportagem via Facebook, mas até a última atualização desta matéria, não havia respondido.

Mais lidas
Últimas notícias