Bruna Marquezine revela voto, critica Bolsonaro e é atacada na web

A atriz global foi chamada de "mimada" e fãs disseram que ela "se acha mais esperta que a maioria da população"

Dominique Charriau/Getty ImagesDominique Charriau/Getty Images

atualizado 08/10/2018 16:16

A atriz Bruna Marquezine revelou seu voto nas eleições de domingo (7/10) por meio das redes sociais. Depois de declarar ser contra a candidatura de Jair Bolsonaro (PSL) à presidência, aderindo à campanha #EleNão, Bruna usou o perfil no Instagram para anunciar que votou em Ciro Gomes (PDT).

Com a derrota do candidato e a ida de Bolsonaro e Fernando Haddad (PT) para o segundo turno, a atriz decidiu ironizar a atual situação do país. “Bom, eu acho que eu escolhi o momento errado pra ser um ser humano. Tá difícil, né, meu povo?”, escreveu.

As declarações da namorada de Neymar Jr. não foram bem aceitas pelos internautas, que a chamaram de “mimada” e disseram que Bruna “se acha mais esperta que a maioria da população”. A contratada da TV Globo respondeu às críticas com calma.

“Não acho que é todo mundo burro e nem que eu sou esperta, acho que não existe uma verdade única e que precisamos ouvir o outro para ter novas perspectivas. É o que estou tentando aqui”, argumentou ela. “Não tomei partido nenhum. Tenho medo de defender político”, completou a morena sobre a repercussão da revelação de seu voto.

Últimas notícias