Anitta fala sobre 500 mil mortes e fãs veem indireta para Ivete

A funkeira disse que é "a favor da democracia, da economia, da saúde, da educação, do senso coletivo"

atualizado 21/06/2021 12:44

A pandemia de Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus, tem colocado os famosos brasileiros em uma série de tretas. Depois de Samantha Schmütz e Juliana Paes, fãs agora apontam indireta de Anitta para Ivete Sangalo.

Isso porque, nesta segunda (21/6), Anitta se posicionou sobre as 500 mil mortes, decorrentes da Covid-19, ocorridas no Brasil. Pelo Twitter, a funkeira protestou contra a gestão de Jair Bolsonaro (sem partido).

“500 mil mortes… é sobre ‘Fora, Bolsonaro’ sim! A favor da democracia, da economia, da saúde, da educação, do senso coletivo”, escreveu Anitta.

0

Imediatamente, os fãs da cantora apontaram uma indireta para Iveta Sangalo. A cantora baiana, ao lamentar as mortes pela Covid-19, afirmou que “não seria sobre partidos”.

Ivete postou: “Não é natural. Não é uma mentira. É estarrecedor pensar sobre as milhares de vidas ceifadas e dores irreparáveis em torno dessas perdas. Não é sobre partidos, é sobre humanidade”.

Em resposta a Anitta, fãs apontaram a crítica a postura considerada “isentona” de Ivete. “Por mais Anittas e menos Ivetes”, escreveu um. “Única artista brasileira que se posiciona”, disse outra.

Apesar da especulação dos fãs, Anitta não falou abertamente se a mensagem foi uma crítica também à fala de Ivete Sangalo.

Últimas notícias