Vídeo mostra conflito entre camelôs e guardas municipais no Rio

Órgão apoiava operação para retirada de barracas e informou que agentes foram atacados por ambulantes. Não houve feridos ou presos

atualizado 24/06/2021 18:15

Guarda Municipal durante confusão com camelôs no Rio de JaneiroReprodução

Rio de Janeiro – Um conflito entre agentes da Guarda Municipal do Rio de Janeiro e vendedores ambulantes assustou quem passava pela avenida Braz de Pina, na zona norte da cidade, na manhã desta quinta-feira (24/6). Um vídeo registrou a confusão.

O órgão informou que agentes apoiavam uma “operação integrada de ordenamento urbano” para retirada de barracas de camelôs quando vendedores atiraram pedras contra a equipe no final da ação, por volta de 10h50.

Na gravação, é possível ver que guardas municipais do Grupamento Tático Móvel (GTM) fizeram disparos de balas de borracha para dispersar os camelôs e “resguardar a integridade física dos agentes da prefeitura”.

As imagens também mostram pessoas assustadas em busca de proteção no Supermercado Guanabara, em frente ao local onde as barracas ficavam montadas.

Veja:

A Guarda Municipal confirmou que foi necessário o “uso de instrumentos de menor potencial ofensivo para conter a confusão”.

Questionada, a Polícia Militar informou que agentes da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Parque Proletário foram acionados para uma “tentativa de fechamento da Avenida Braz de Pina” e um “princípio de tumulto”.
Não houve registro de presos ou feridos, de acordo com o órgão.

Últimas notícias