Vereador de Varginha usava buraco no teto para “espionar” jovens nuas

Denúncias em redes sociais fizeram com que a Polícia Civil chegasse até o político suspeito, em Minas Gerais

atualizado 27/10/2020 15:16

Vereador de Varginha usava buraco no teto para ‘espionar’ jovens nuasAmanda Dias/BHAZ + Divulgação/Polícia Civil

Um vereador de Varginha, no sul de Minas, virou alvo da Polícia Civil após várias denúncias nas redes sociais darem conta de que ele estaria “espionando” mulheres enquanto elas trocavam de roupa. Conforme as denúncias, ele observava as vítimas de longe enquanto elas se trocavam em um banheiro público, no Caic (Centro de Atenção Integral à Criança e ao Adolescente). Um inquérito foi instaurado para investigar o caso.

Uma das vítimas contou, em uma publicação na internet, que ela estaria assistindo a um jogo de basquete do namorado neste domingo (25/10), quando o vereador a abordou convidando-a para integrar uma equipe de vôlei. Nesse momento, ele teria oferecido à jovem um uniforme para que ela experimentasse no local.

Confira mais informações no site BHAZ, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias