Vendedor de certificado falso de vacina dá bronca: Não tomou por quê?

O homem tentou negociar a venda do documento à equipe da Rede Globo no Rio de Janeiro e ainda deu bronca no suposto comprador

atualizado 22/01/2022 9:50

Homem é flagrado vendendo comprovante de vacinação falsoRJTV/Reprodução

Um cambista foi flagrado por uma equipe da TV Globo ao vender comprovantes de vacinação contra a Covid-19 falsificados, no Rio de Janeiro. No entanto, mesmo cometendo o delito, o homem aconselhou os jornalistas a se imunizarem contra a Covid.

O caso ocorreu nessa sexta-feira (21/1), na Zona Norte do Rio de Janeiro. O homem tentou negociar a venda do documento à equipe de TV, mas questionou o motivo do grupo não ter se imunizado.

“Agora, se o senhor quiser mesmo, o certo é o senhor tomar a vacina, entendeu? Tem que tomar a vacina. Não tomou a vacina por quê?”, perguntou.

Veja o momento:

A falsificação do comprovante de vacinação é considerada fraude de documento oficial, crime previsto no artigo 297 do Código Penal, com pena de até dois anos e meio.

De acordo com o 5º Batalhão de Polícia Militar do Rio de Janeiro, na sexta-feira, quatro pessoas foram presas por vender comprovantes falsos na Zona Portuária da cidade.

Comprovante de vacinação

No município do Rio de Janeiro, o documento é exigido para entrada em diversos estabelecimentos desde setembro de 2021, como cinemas, teatros, museus, estádios, ginásios esportivos e academias.

No início de janeiro, a prefeitura ampliou a exigência do passaporte para bares, lanchonetes, restaurantes, boates, hotéis, pousadas, salões de beleza, casas de festas e eventos em geral.

Mais lidas
Últimas notícias