Veja quem pode se vacinar nesta quarta-feira (24/11) em SP, RJ, GO, MG

Cerca de 71% da população brasileira acima de 12 anos está com o esquema vacinal completo. Capitais aplicam também a dose de reforço

atualizado 24/11/2021 9:14

Com 28 pontos de vacinação, DF tem Dia D contra a Covid16Gustavo Moreno/Especial para o Metrópoles

Dados sobre a Campanha Nacional de Imunização mostram que cerca de 71% da população com 12 anos ou mais no país está totalmente imunizada contra a Covid-19 – ou seja, já recebeu duas doses ou a vacina de dose única.

O número corresponde a 129.703.343 dos quase 182 milhões de brasileiros nessa faixa etária com o ciclo vacinal completo. Somando a primeira, a segunda, a de reforço e a dose única, são 302.068.520 doses aplicadas.

Nesta quarta-feira (24/11), a campanha de vacinação contra a Covid-19 continua em todo o país.

São Paulo

São Paulo continua com o calendário de vacinação da semana. Adolescentes entre 12 e 17 anos podem receber a primeira dose do imunizante da Pfizer, assim como maiores de 18 anos que ainda não se imunizaram.

Para a segunda dose, é necessário observar os intervalos indicados no cartão de vacinação. Maiores de 18 anos podem tomar a dose extra, de reforço, desde que tenham o intervalo completo de cinco meses desde a segunda dose.

É possível se vacinar nos postos de Assistência Médica Ambulatorial (AMA) ou nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) destinadas à imunização contra a Covid, das 7h às 19h. Os drive-thrus, megapostos e farmácias também aplicam a vacina, das 8h às 17h. Os endereços podem ser acessados na página da prefeitura.

Rio de Janeiro

Rio de Janeiro também segue a orientação do Ministério da Saúde para aplicação das doses de reforço: maiores de 18 anos com intervalo mínimo de cinco meses podem procurar as salas de imunização. A Secretaria de Saúde do Rio também previu escalonamento por idade para quem foi integralmente imunizado há pelo menos três meses. Por esse cronograma, a programação começa em 29 de novembro, para pessoas com 59 anos ou mais.

Pessoas com 60 anos ou mais podem receber a dose extra, assim como profissionais da saúde e imunossuprimidos graves. Para receber a primeira ou segunda dose, é necessário levar documento oficial com foto e CPF. Para segunda dose, comprovante de vacinação.

Os imunizantes são aplicados na rede municipal de saúde: UPAs, hospitais, centros de emergência regional, centros municipais de saúde, clínicas da família e centros de atenção psicossocial tipo II e III. Veja os endereços.

Goiás

Goiânia segue a aplicação da dose de reforço na população de 30 a 39 anos que tiver intervalo de, no mínimo, cinco meses da segunda dose. Trabalhadores da saúde e imunossuprimidos graves também estão elegíveis.

A população a partir de 12 anos pode se imunizar com a primeira ou segunda dose da vacina contra a Covid-19 nos postos da cidade. Para Pfizer e AstraZeneca, o intervalo é de oito semanas para a segunda dose.

Confira os locais e horários de vacinação.

Minas Gerais

Em Belo Horizonte, a quarta-feira (24/11) é focada na aplicação de segunda dose para adolescentes de 17 anos que tenham se imunizado com a primeira dose há, no mínimo, 21 dias.

A dose de reforço também é aplicada em quem tem cinco meses completos da segunda dose, a partir de 18 anos.  A capital mineira também realiza repescagem para completar a imunização de quem ainda não recebeu a primeira ou segunda dose.

Veja onde se vacinar em Belo Horizonte.

Mais lidas
Últimas notícias