Uber: multa de R$ 145 mil por se negar a levar Wellington Camargo

Motorista teria recusado a viagem por ele ser cadeirante. Processo administrativo foi instaurado e decisão de punir a empresa foi do Procon

AgnewsAgnews

atualizado 10/12/2019 18:40

A empresa de transporte por aplicativo Uber foi multada no valor de R$ 145 mil pela recusa de um motorista da rede em transportar o irmão da dupla Zezé Di Camargo e Luciano, o cantor Wellington Camargo, pelo fato de ele ser cadeirante. O caso aconteceu em julho deste ano, em Goiânia. A decisão de multar a empresa foi promovida pelo Procon Goiás nesta segunda-feira (09/12/2019).

Conforme expõe o órgão, um processo administrativo foi instaurado após o fato com o cantor ser divulgado na mídia. À época, ele contou que chegava próximo ao carro para iniciar viagem quando o motorista acelerou o veículo e foi embora. O artista afirmou ainda que aquela era a segunda vez que havia passado pela mesma situação.

Confira a matéria completa no Emais Goiás, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias