*
 

O comerciante Jean Souza de Seixas, de 29 anos, foi espancado, queimado vivo e teve os dentes arrancados, na última terça-feira (27/3), em Resende, no Rio de Janeiro.

Nessa quinta (29) e sexta (30), policiais da 89ª DP (Resende) localizaram três acusados do assassinato. Ronaldo Rodrigues de Oliveira, de 25 anos, é apontado como o mentor do crime. Ele foi preso em Mirantão, em Minas Gerais, para onde havia fugido.

Os comparsas Maicon Wilson Coutinho da Silva e Luiz Felipe Souza Siqueira foram localizados entre a manhã e a noite de quinta-feira, em Resende. A polícia ainda procura um adolescente suspeito de participação no crime e desconfia que ele tenha fugido para Itatiaia, no Sul Fluminense.

Reprodução

O empresário Jean Souza de Seixas, 29 anos, foi espancado, queimado vivo e teve os dentes arrancados

Jean foi encontrado em um escritório, no bairro Santa Isabel, com sinais de espancamento e queimaduras pelo corpo. Ele chegou a ser levado para o Hospital de Emergência, mas não resistiu aos ferimentos.

Segundo testemunhas, a vítima estaria negociando a venda de um carro com Ronaldo. O suspeito mandou um áudio para o empresário marcando um encontro na terça-feira (27), às 14h, no escritório de Jean. Foi então que Ronaldo chegou ao local com os outros envolvidos e o renderam, amarram e agrediram com uma barra de ferro.

O grupo ainda ateou fogo no corpo e fugiu. Roubaram o carro, celular, dinheiro e outros bens de Jean. Além disso, os suspeitos fizeram compras com os cartões da vítima. O carro foi encontrado queimado.