Tocantins: cidade proíbe venda de bebida alcoólica durante quarentena

A decisão tomada pela Prefeitura de Araguaína tem como objetivo endurecer as medidas de distanciamento social enquanto durar pandemia

A Prefeitura de Araguaína, no Tocantins, decidiu voltar a endurecer as medidas de distanciamento social, com o objetivo de conter a disseminação do coronavírus. Entre as ações de contenção, está a proibição da venda de bebida alcoólica na cidade, incluindo supermercados e distribuidoras. A decisão consta no Decreto nº 222, que foi publicado no Diário Oficial dessa terça-feira (28/04).

O decreto também estabelece que sejam suspensas as atividades das academias, feiras, motéis e estabelecimentos de embelezamento, como clínicas de estética e barbearias.

Também foram supensos os serviços de bares, locais de eventos, clubes recreativos, campos esportivos, salões e comércio ambulante em geral.

O morador de Araguaína pode sair para ir às farmácias, lojas de produtos agropecuários, indústrias, cartórios e supermercados, entre outros. O governo local reforça o respeito às medidas de higienização e distanciamento.