*
 

O presidente da República, Michel Temer, disse nesta quinta-feira (7/6) não acreditar que a incerteza do quadro eleitoral traga riscos para a economia brasileira. Ele recomendou ao eleitor examinar o programa do candidato. O presidente concedeu entrevista exclusiva à jornalista Roseann Kennedy, no programa Nos Corredores do Poder, da TV Brasil.

“Acho que o voto será no programa, não na pessoa”, afirmou. Segundo Temer, os pré-resultados das pesquisas causam “preocupações nas pessoas”, mas avalia: os candidatos terão cautela e saberão se conduzir ao longo da campanha.

De acordo com Temer, a reforma da Previdência precisará ser debatida e continuará no horizonte dos governantes. “Falar contra as reformas traz instabilidade para o mercado”, declarou. “Eu acho que pouco a pouco os candidatos vão ver que é importante a continuidade do nosso programa de governo”, destacou.

 

 

COMENTE

Michel Temereleições 2018economia brasileira
comunicar erro à redação

Leia mais: Brasil