RJ: sobe para 29 número de casos positivos a bordo do Costa Fascinosa

Tripulantes ficarão isolados no próprio navio e passageiros devem fazer reclusão domiciliar, após deslocamento em transporte seguro

atualizado 06/01/2022 17:41

Reprodução

Rio de Janeiro – Após inspecionar o navio Costa Fascinosa para uma investigação epidemiológica, a Secretaria Municipal de Saúde do Rio (SMS-Rio), em conjunto com a Anvisa e a Secretaria de Estado de Saúde, constatou 29 casos confirmados de Covid-19 a bordo. A vistoria foi realizada na tarde desta quinta-feira (6/1) e os pacientes ficarão em isolamento.

Do total de casos confirmados, 11 são tripulantes e 18 passageiros, todos brasileiros. Três dos passageiros são moradores da cidade do Rio de Janeiro. Técnicos de vigilância em saúde coletaram material para análise laboratorial. De acordo com a SMS, “se atingirem os critérios laboratoriais, as amostras serão sequenciadas pelo LNCC/Fiocruz para identificação da variante”.

0

Os 18 casos de passageiros confirmados com Covid-19 apresentam sintomas leves e estão bem clinicamente. A empresa Costa Crociere (Costa Cruzeiros), que opera a embarcação, foi autorizada a desembarcar os clientes por transporte seguro da empresa.

Em nota, a SMS informa que “os moradores do município do Rio e cidades próximas seguirão para isolamento em domicílio; já os residentes de fora do Rio de Janeiro serão isolados em um hotel na capital fluminense”.

Os tripulantes permanecerão a bordo do navio, sendo acompanhados pela equipe de saúde da embarcação, sem desembarque na cidade do Rio. “A SMS-Rio mantém vigilância ativa e monitoramento das embarcações de navios de cruzeiro que atracam na Cidade”, completa o texto.

O Costa Fascinosa atracou nesta quinta-feira (6/1) na cidade, com 774 hóspedes. Aqueles que testaram negativo seguirão para suas casas, com as orientações de cuidado e isolamento por serem contactantes. A Costa Cruzeiros garantiu um esquema de apoio para este deslocamento.

Mais lidas
Últimas notícias