Quinze famílias são encontradas ilhadas em Brumadinho

A estimativa é que pelo menos 50 pessoas sejam salvas com vida, na região conhecida como Parque da Cachoeira

atualizado 26/01/2019 15:36

FERNANDO MORENO/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

O Corpo de Bombeiros informou neste sábado (26/1) que localizou e vai resgatar 15 famílias que estão ilhadas, após o rompimento da barragem na cidade de Brumadinho, em Minas Gerais. A estimativa é que pelo menos 50 pessoas sejam salvas com vida, na região conhecida como Parque da Cachoeira.

De acordo com o comandante do Corpo de Bombeiros de MG, coronel Leão as buscas por vítimas estão concentradas em quatro pontos: essa comunidade Parque da Cachoeira, uma locomotiva, um prédio e um ônibus de funcionários encontrado soterrado. O veículo transportava funcionários da Vale e, apesar de não ter sido divulgado o número de pessoas, todos os integrantes estavam mortos.

0

Segundo boletim das forças integradas de segurança, formadas por Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Defesa Civil, dos 345 desaparecidos, 46 foram encontrados. A corporação procura ainda 299 pessoas. O grupo confirma nove vítimas fatais e três corpos identificados. O único nome divulgado foi o da médica Marcelle Porto Cangussu. Ainda de acordo com o levantamento, 86 famílias da comunidade de Brumadinho estão cadastradas no banco de contatos do governo, em busca de parentes.

O Corpo de Bombeiros montou a operação nas proximidades de um campo de futebol. O local está sendo utilizado como área de avaliação e triagem de vítimas para atendimento médico. Quase 100 bombeiros foram deslocados para a região e o efetivo será dobrado neste sábado (26). Seis aeronaves da corporação estão envolvidas nos resgates.

Gui Prímola/Metrópoles

Últimas notícias