Categorias: Brasil

Promotoria pede internação por 45 dias de adolescente atirador de GO

O Ministério Público (MP) de Goiás solicitou a internação provisória por 45 dias do adolescente de 14 anos que realizou múltiplos disparos no Colégio Goyases, em Goiânia, na manhã desta sexta-feira (20/10).  Esse é o prazo estimado para a conclusão do processo e a decisão da justiça. O tiroteio deixou dois mortos, os estudantes João Pedro Calembo, 14 anos, e João Vitor Gomes, 13, e quatro feridos.

O promotor Cássio Sousa Lima informou, em entrevista a jornalistas, que o atirador deverá ser mantido em uma ala separada dos demais menores. A precaução é uma medida de segurança pelo jovem ser filho de policiais militares. O adolescente executou o ataque com uma pistola calibre .40 registrada no nome da mãe e escondida pelo aluno em sua mochila na noite anterior.

Sousa Lima afirmou ainda que um juiz deverá convocar o garoto para depor na segunda ou na terça-feira e então tomar uma decisão provisória. Só ao fim do processo, virá uma decisão definitiva. A internação máxima de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente é de três anos. Segundo o promotor, o adolescente disse estar arrependido enquanto prestou depoimento.

O adolescente prestou depoimento ao Ministério Público na tarde deste sábado (21). Ele foi ouvido pelo promotor Cássio Sousa Lima, na Delegacia de Polícia de Apuração de Atos Infracionais (Depai), onde é mantido desde sexta. O jovem foi encaminhado ao Depai após ser apreendido por policiais militares na biblioteca do Colégio Goyases. Os pais do estudante, ambos policias militares, deverão ser ouvidos oficialmente pela Corregedoria da Polícia Miliar de Goiás durante a próxima semana. (Com informações da Agência Estado)

 

Larissa Rodrigues

Formada em jornalismo pela Universidade Católica de Goiás (UCG), em 2010, e pós-graduada em Jornalismo Especializado pela Universidade Estácio de Sá, no ano de 2013. Em Goiânia, trabalhou na TV Band, foi apresentadora da Rádio Interativa e assessora de imprensa de políticos locais. Em 2015, mudou-se para Brasília, onde foi subeditora do portal Fato Online e cobriu as Olimpíadas de 2016. No Metrópoles, atua como repórter de Política Nacional e ganhou o 1º Prêmio dos Policiais Federais.

Últimas notícias

É apaixonado por queijo? Veja 19 pratos de dar água na boca

Da entrada à sobremesa, o versátil ingrediente se aplica em diversos preparos. O Dia do Queijo será celebrado no próximo…

16 minutos passados

Arquiteta cria vestido de horta vertical irrigado por urina

A canadense Aroussiak Gabrielian utiliza o corpo humano como fonte de nutrientes e o solo para a produção de alimentos

20 minutos passados

Enem: notas podem ser alteradas por “inconsistência” em gabaritos

Segundo Abraham Weintraub, até a próxima segunda-feira tudo será resolvido

25 minutos passados

Sarah Poncio e Jonathan Couto vão ter outro filho

O casal já é pai de João e José. Jonathan, porém, tem outra filha, Madalena, com Letícia Almeida

30 minutos passados

Estudo prova que os cães também sabem fazer contas

Ao todo, 11 cachorros adultos das mais diferentes raças participaram do levantamento

36 minutos passados

Com Bolsonaro, Aliança pelo Brasil colhe assinaturas em Brasília

Ao chegar ao evento do partido que pretende criar, presidente foi aplaudido e chamado de "mito"

37 minutos passados