Olavo de Carvalho sobre Moro: “Pseudobolsonarista aproveitador”

Guru da ala ideológica do bolsonarismo decide atacar o agora ex-ministro da Justiça, que não teria tido a “humildade” de ouvi-lo

O agora ex-ministro Sergio Moro poderia ser posicionado na chamada “ala pragmática” do governo, que enfrenta a oposição da “ala ideológica” por não defender um comportamento de ruptura com as instituições, uma espécie de refundação do Brasil. Guru dessa porção mais extremista, o escritor Olavo de Carvalho partiu para cima de Moro após a demissão do ex-ministro em um pronunciamento repleto de ataques ao presidente Jair Bolsonaro.

Entre as acusações feitas por Carvalho no Facebook ao ex-ministro está a suposição de que ele nunca foi anticomunista, “apenas antipetista, o que é a definição mesma do pseudobolsonarista aproveitador”.

Para o professor de filosofia on-line, também faltou a Moro a humildade de ouvi-lo. Veja: