Novo punirá deputado no caso de homem que jogou ovo em manifestantes

O deputado estadual do Novo-MG, Bartô, afirmou que não foi procurado pela direção do partido para tratar do assunto

atualizado 07/05/2021 12:50

Deputado estadual Novo-MG BartôDaniel Protzner/ALMG

O partido Novo manifestou, nesta quinta-feira (6/5), repúdio à atitude do deputado estadual Bartô, de Minas Gerais, envolvido na prisão de um morador de um prédio da região central de Belo Horizonte dentro de casa, sem mandado judicial, por suspeita de atirar ovos contra manifestantes bolsonaristas no último sábado (1º/5).

O diretório nacional do partido afirma que o parlamentar será punido pelo “ato deplorável”.

Leia mais em BHAZ, parceiro do Metrópoles.

Últimas notícias