José Levi Mello assume comando da AGU no lugar de André Mendonça

A vaga surgiu após Bolsonaro convidar Mendonça para ocupar o lugar de Sergio Moro no Ministério da Justiça

Em meio à dança das cadeiras no governo, o constitucionalista José Levi Mello vai ocupar o lugar de André Mendonça no comando da Advocacia-Geral da União (AGU). Mendonça foi convidado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), para assumir o antigo posto de Sergio Moro como ministro da Justiça.

Outra mudança nos últimos dias foi a troca da chefia da Polícia Federal. Após a exoneração de Maurício Valeixo, Bolsonaro nomeou Alexandre Ramagem Rodrigues para o cargo.

Novo AGU

Levi Mello era procurador-geral da Fazenda Nacional desde janeiro de 2019. O novo AGU já tinha assumido interinamente o Ministério da Justiça por um mês, após a saída de Alexandre de Moraes, hoje ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), e antes da nomeação de Osmar Serraglio.

Constitucionalista e professor da Faculdade de Direito da USP, Levi foi consultor-geral da União. E era procurador-geral adjunto de Consultoria Tributária e Previdenciária antes de assumir a chefia da PGFN. Ele é procurador federal desde 2000.