Flávio Bolsonaro declarou doações em espécie de R$ 67 mil à esposa

Dinheiro foi informado no Imposto de Renda de 2011 pelo então deputado da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro

atualizado 28/09/2020 11:21

Michael Melo/Metrópoles

O senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) admitiu que fez doações no valor de R$ 67 mil em espécie para a esposa, a dentista Fernanda Antunes Figueira Bolsonaro.

A informação, revelada pela colunista Bela Megale, do jornal O Globo, consta na declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) feita por Flávio em 2011.

Na época, o filho do presidente da República, Jair Bolsonaro, era deputado estadual na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj).

Flávio Bolsonaro é investigado pelo Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) por suposta prática de “rachadinha” quando atuava como deputado estadual.

O ex-assessor Fabrício Queiroz também fez um depósito em dinheiro, no valor de R$ 25 mil, para Fernanda. O ex-motorista está em prisão domiciliar atualmente.

Procurado, a defesa do senador informou ao jornal O Globo que não poderia comentar a informação, pois as investigações estão em sigilo, mas negou irregularidades.

Por si só, o uso de dinheiro em espécie não constitui um crime, mas pode indicar aos investigadores uma tentativa de dificultar o rastro e a origem do montante.

0

Últimas notícias