Deputados e senadores pedem impeachment de Weintraub ao STF

Os parlamentares denunciaram o ministro da Educação citando erros na correção do Enem e quebras de decoro e do princípio da impessoalidade

Ministro Abraham WeintraubAndre Borges/Esp. Metropoles

atualizado 05/02/2020 20:14

Três deputados e dois senadores se uniram para protocolar um pedido de impeachment contra o ministro da Educação, Abraham Weintraub, no Supremo Tribunal Federal (STF). O grupo ainda quer que o titular da pasta responda pelo crime de responsabilidade.

Entre os motivos para a denúncia são apontados os erros na correção do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e alegadas quebras de decoro e do princípio da impessoalidade — em meio à crise do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), Weintraub atendeu ao pedido de um apoiador pelo Twitter e pediu para que a prova da filha dele fosse novamente corrigida.

Weintraub está sob forte pressão desde a revelação dos erros na correção das provas do Enem. Apesar de o Ministério da Educação sustentar que os 5.974 problemas foram corrigidos, dezenas de estudantes foram à Justiça para questionar os resultados do exame. Até agora, o presidente da República, Jair Bolsonaro, ainda não se manifestou sobre uma possível exoneração.

“O que fica evidente a partir das análises multitemáticas é que o planejamento e a gestão do MEC estão muito aquém do esperado e são insuficientes para dar conta dos desafios educacionais que  se apresentam no país”, diz trecho da denúncia.

O pedido foi apresentado pelos senadores Alessandro Vieira (Cidadania-SE), Fabiano Contarato (Rede-ES) e pelos deputados federais Felipe Rigoni (PSB-ES), João Henrique Campos (PSB-PE) e Tabata Amaral (PDT-SP). Além destes parlamentares, outros 23 deputados endossaram o pedido (veja abaixo a lista completa).

No Twitter, Tabata informou que o processo foi protocolado na Suprema Corte. “Nossos jovens não podem esperar mais. Ajude-nos a colocar pressão no STF para que haja um julgamento! Não dá mais!”, escreveu a parlamentar.

Veja a íntegra do pedido:

Pedido de impeachment Weintraub by Metropoles on Scribd

Senadores:
Alessandro Vieira (Cidadania-SE)
Fabiano Contarato (Rede-ES)

Deputados:
Alexandre Frota (PSDB-SP)
Alexandre Padilha (PT-SP)
Aliel Machado (PSB-PR)
Danilo Cabral (PSB-PE)
Edmilson Rodrigues (PSOL-PA)
Fabiano Tolentino (Cidadania-MG)
Felipe Rigoni (PSB-ES)
Fernanda Melchionna (PSOL-RS)
Fabiano Tolentino (Cidadania-MG)
Gil Cutrim (PDT-MA)
Henrique Fontana (PT-RS)
João Campos (PSB-PE)
Joênia Wapichana (REDE-RR)
Marcelo Calero (Cidadania-RJ)
Marcio Jerry (PCdoB-MA)
Margarida Salomão (PT-MG)
Maria do Rosario (PT-RS)
Pedro Uczai (PT-SC)
Perpétua Almeida (PCdoB-AC)
Professor Israel (PV-DF)
Rafael Motta (PSB-RN)
Raul Henry (MDB-PE)
Reginaldo Lopes (PT-MG)
Rodrigo Agostinho (PSB-SP)
Rosa Neide (PT-MT)
Tabata Amaral (PDT-SP)

Últimas notícias