Vereador é multado após acessar pornografia durante expediente

Celestino Denardin, de Braganey (PR), admitiu os acessos e assinou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC)

Reprodução/FacebookReprodução/Facebook

atualizado 22/08/2019 18:25

O vereador de Braganey (PR) Celestino Denardin (PSD) foi multado em R$ 30 mil pelo Ministério Público do Paraná (MPPR) por acessar sites pornográficos durante o expediente. As informações são do G1.

A denúncia foi apresentada ao MPPR pelo presidente da Câmara na cidade, Adriano da Silva, e um inquérito civil foi aberto para apurar os supostos acessos dos computadores da Câmara dos Vereadores. Celestino confessou os acessos e assinou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), no qual se comprometeu a não acessar mais este conteúdo nos computadores de seu local de trabalho.

O dinheiro da multa será destinado aos cofres do município. Silva, em nota, afirmou que a conduta do vereador pode levar à abertura de uma investigação por quebra de decoro parlamentar, de acordo com o Regimento Interno.

Últimas notícias