Pesquisa Vox Populi: Lula lidera intenção de voto mesmo após prisão

De acordo com o levantamento, o ex-presidente está na frente na corrida presidencial, seguido por Jair Bolsonaro e Joaquim Barbosa

Ricardo Stuckert/Instituto LulaRicardo Stuckert/Instituto Lula

atualizado 18/04/2018 15:16

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva mantém a liderança na corrida presidencial, mesmo após ter sido preso em 7 de abril. É o que mostra pesquisa do Vox Populi realizada entre os dias 11 e 15 deste mês. Segundo o instituto, na pergunta espontânea sobre a intenção de voto, o petista aparece com 39%, seguido pelo deputado federal Jair Bolsonaro (PSL-RJ), com 9%. O ex-ministro do Supremo Tribunal Federal Joaquim Barbosa (PSB) e Marina Silva (Rede) vêm depois, ambos com 2%.

Ainda de acordo com a pesquisa, encomendada pelo Partido dos Trabalhadores ao Vox Populi, 41% dos brasileiros acreditam que Lula foi condenado sem provas, 59% consideram como prisão política o encarceramento do ex-presidente e 58%, que ele tem o direito de ser novamente candidato à Presidência da República.

Para o presidente do Vox Populi, Marcos Coimbra, o levantamento revela que “o impacto da prisão não foi significativo nas intenções de voto de Lula”. “A pesquisa mostra que aumentou o sentimento de o ex-presidente ser vítima de uma injustiça e de que recebe um tratamento desigual por parte do Judiciário”, afirma Coimbra. O instituto ouviu cerca de 2 mil pessoas em 118 municípios.

Últimas notícias