*
 

O futuro ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, tem agenda confirmada com Raul Jungmann, titular da Segurança Pública do governo Temer, às 14h desta quarta-feira (7/11), no Ministério da Justiça. Na pauta, a troca de informações sobre as ações da pasta.

De acordo com o atual ministro, Moro receberá “uma estrutura nova” e um plano nacional de segurança pública “para trabalho conjunto com os estados”.

“O país nunca teve um governo central cuidando da segurança pública, e isso é um dos fatores do desastre da segurança pública que temos hoje”, disse Jungmann nesta terça (6). “Você precisa da União dando rumo e isso dentro do federalismo”, completou.

“Por um lado, eu acho que foco é importante, mas eu acho que este ministério que virá aí, e eu vou conversar com o Moro ainda nesta semana, dizer a ele: olha, você vai levar uma estrutura nova”’, comentou o ministro, durante uma palestra para empresários e militares em São Paulo.

No grupo da transição
O encontro entre Moro e Jungmann já faz parte das funções do juiz como integrante da equipe de transição do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL). Moro deverá ter sua nomeação para o grupo divulgada no Diário Oficial da União (DOU) nos próximos dias.