*
 

A ex-ministra Marina Silva (Rede), pré-candidata à Presidência da República, afirmou que a pesquisa Datafolha, divulgada na manhã deste domingo (10/6), é um retrato de momento e indica muito trabalho pela frente. Em nota, ela também agradeceu às pessoas que têm acreditado em seu projeto para o Brasil.

Conforme o Datafolha, no cenário com a candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Marina registra 10% das intenções de voto em primeiro turno. Ela fica atrás do próprio Lula (30%) e do deputado federal Jair Bolsonaro que concorre pelo PSL (17%). Vinte e um por cento dos entrevistados se declararam sem candidato. Já no cenário sem Lula, Marina tem 15% das intenções, enquanto Bolsonaro tem 19%. Outros 33% estão sem candidato.

Na nota, Marina chamou atenção justamente para os eleitores indecisos. “Temos ainda que buscar formas de dialogar com os cerca de 30% de eleitores que poderiam votar em branco, nulo, em ninguém ou ainda não sabem em quem irão votar”, afirmou a pré-candidata. “A eleição suplementar esse ano no Tocantins serve de alerta: quase a metade dos eleitores votou nulo, branco ou se absteve de votar”, acrescentou.

Marina defendeu ainda que a sociedade brasileira “está indignada e com toda a razão”. “Isso aumenta nossa responsabilidade e compromisso em debater e apresentar propostas para, efetivamente, melhorar a vida dos brasileiros e tirar o país dessa grave crise”, disse a ex-ministra. “Vamos seguir nessa missão para unir a sociedade a favor do Brasil.”

 

 

COMENTE

marina silva
comunicar erro à redação

Leia mais: Política