*
 

Mesmo com a ameaça de ser processado, o humorista Danilo Gentili voltou a ironizar a senadora Regina Sousa (PT-PI). Em um program de rádio, em São Paulo, Gentili pediu desculpas… Mas para a “tia do café”. “Foi uma comparação infeliz, eu não pensei para falar. Peço sincero perdão à tia do café. Você não merece ser comparada com uma senadora, ainda mais com uma do partido mais corrupto da história do Brasil”, disse.

“Comparei você (tia do café) à escória da humanidade: os políticos brasileiros. Comparei você a uma senadora que estava defendendo os crimes do Lula e da Dilma, crimes inclusive que deixaram milhares de tia do cafgé sem emprego”, completou o humorista.

Danilo disse ainda que a “piada” teve uma ampla divulgação e que este não é um assunto de relevância. “Realmente me arrependi e sei reconhecer quando estou errado. Estou falando do fato que todos os jornais do Brasil fizeram o favor de polemizar, e com toda a razão, o que um humorista disse em seu Twitter, realmente é um assunto relevante e de importância nacional”, afirmou.

Processo
A senadora Regina Sousa (PT-PI) afirmou no plenário do Senado que vai processar o apresentador e humorista Danilo Gentilli por ter feito um comentário preconceituoso, pelo Twitter, durante a votação do impeachment em 11 de maio. Danilo disse que a senadora parecia “uma tia do café”.

“Não vou deixar barato para o Danilo Gentili. Não é questão de indenização, mas eu vou representá-lo em nome das tias do cafezinho. O que vier dessa ação que vou fazer será dedicado às mulheres que servem cafezinho”, disse a senadora.

Regina fez questão de dizer que não se sentia diminuída por ter sido comparada a uma “tia do cafezinho”, afinal foi “quebradeira de coco”. Ponderou, porém, que o comentário foi racista e preconceituoso. Ela lembrou que Gentili tem sido recorrente em “comentários maldosos, principalmente em relação às mulheres”. A senadora ainda destacou que a maioria dos seguidores do Twitter do apresentador reagiu mal ao comentário e condenou a atitude dele.