*
 

Na manhã desta sexta-feira (30/9), policiais se preparavam para assumir o plantão na Unidade Operacional da Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Nova Olinda no Maranhão e foram surpreendidos por um disparo acidental que matou Ivanaldo Alves, de 43 anos de idade, policial rodoviário federal há 22 anos.

Segundo relato dos PRFs que estavam com ele no momento do ocorrido, Ivanaldo entrou no posto, ao se abaixar para pegar um cigarro no chão, a pistola calibre .40, desprendeu do colete balístico atingindo o piso e disparando no rosto do policial, que morreu imediatamente.

Ivanaldo Alves deixa a esposa e dois filhos, uma criança de 9 anos e uma adolescente de 14. O corpo será levado para sepultamento em São Luís. Houve uma  mobilização da direção da instituição e do sindicato dos Policiais Rodoviários Federais.

Ao menos dez inspetores da PRF e mais a perícia da Polícia Federal foram até Nova Olinda acompanhar o caso e fazer os procedimentos necessários.

 

 

COMENTE

PRFPolicial morto
comunicar erro à redação

Leia mais: Brasil